Moto GP: van den Mark substitui Valentino em Aragão

Já tinha sido falado, agora confirma-se oficialmente: O piloto da Yamaha no Mundial de SBK, Michael van der Mark, vai pilotar a YZR-M1 de Valentino Rossi na 14ª ronda do Campeonato do Mundo de MotoGP de 2017, em MotorLand Aragón, enquanto o italiano recupera de uma dupla fractura na perna direita.

andardemoto.pt @ 11-9-2017 15:35:35 - Paulo Araújo

v d Mark estreia-se na MotoGP

v d Mark estreia-se na MotoGP

Rossi está fazendo bom progresso no processo de reabilitação, no entanto, não deve estar capaz de competir novamente antes do Grande Prémio do Japão em Motegi, a 15 de Outubro. Para a corrida de Aragón, Van der Mark será apoiado pela equipe habitual de Rossi. Esta oportunidade proporcionará uma experiência similar de MotoGP ao piloto da Yamaha SBK e vencedor das 8 horas de Suzuka à que foi concedida a Alex Lowes no ano passado.

Ao contrário de Lowes, que teve o benefício de algumas milhas de testes em Brno, República Checa, antes de participar na MotoGP, Van der Mark estreará na categoria rainha sem qualquer treino. No entanto, o três vezes vencedor das 8H de Suzuka está habituado às exigências de trabalhar para uma equipe de fábrica.

O holandês também não é estranho ao paddock do MotoGP, tendo competido em sete Grand Prix de 125 em 2010 e na corrida de Moto2 de 2011 em Assen. Além disso, pela sua experiência nos campeonatos mundiais de Superbike, Supersport, e Superstock 600, conhece bem o circuito MotorLand Aragón, tendo lá corrido já sete vezes.

Comentou van den Mark, de 24 anos: “Estou entusiasmado por ter a oportunidade de pilotar a YZR-M1 em Aragão. Nunca andei numa moto de MotoGP antes, portanto será uma experiência completamente nova para mim. Tenho muita curiosidade em ver o que se sente numa máquina desse tipo. Percebo que não será fácil ir logo para uma sessão de treino oficial sem qualquer teste prévio. No entanto, estou muito grato à Yamaha pela oportunidade. Tenho certeza que será uma óptima experiência".

Já Lin Jarvis, Diretor de Competição da Yamaha, disse: "Após o acidente de Valentino, a Yamaha decidiu não o substituir no Grande Prémio de São Marino, mas para o próximo Grande Prémio de Aragão, a equipa é obrigada a entrar com dois pilotos. É impossível Valentino estar apto para Aragón, portanto a Yamaha decidiu procurar uma substituição capaz dentro de seu próprio grupo de pilotos contratados.

Tendo usado anteriormente Katsuyuki Nakasuga para substituir Jorge Lorenzo em 2011 e Alex Lowes para substituir Bradley Smith em 2016, decidimos que Michael van der Mark deve ter a oportunidade desta vez. Nunca é fácil substituir outro piloto e ainda mais difícil, substituir Valentino Rossi, mas acreditamos que Michael tenha todas as credenciais e experiência para fazer um bom trabalho. Vamos dar-lhe o nosso melhor apoio e desejamos-lhe todo o sucesso. Também esperamos que Valentino continue a fazer uma recuperação rápida e que o vejamos novamente na YZR-M1 o mais depressa possível!”


andardemoto.pt @ 11-9-2017 15:35:35 - Paulo Araújo