EICMA 2016: Yamaha revela scooters desportivas TMAX, TMAX SX e TMAX DX

Há novidades a caminho da família MAX da Yamaha. Não se trata de uma nem de duas, mas sim de três novas versões TMAX prestes a chegar aos mercados em 2017: TMAX, TMAX SX e TMAX DX.

AdM @ 9-11-2016 17:50:42

Com mais de 233 mil scooters vendidas em 15 anos, a TMAX não é apenas a scooter mais vendida na Europa, é também um dos modelos mais vendidos produzidos pela Yamaha. Para 2017, a história da TMAX continua com três novas versões, cada uma delas pronta para confirmar o estado icónico desta maxi-scooter e oferecer os mais elevados níveis de performance, tecnologia e estilo.

Com uma nova carenagem dinâmica e o design leve do quadro, em conjunto com a tecnologia de controlo electrónico e especificações gerais de topo, as três versões da TMAX adaptam-se a vários estilos de vida. A TMAX é como uma "tela em branco", para aqueles que a quiserem personalizar adicionando várias peças e acessórios. Mas para os que querem ainda mais funcionalidades na sua maxi-scooter, a Yamaha disponibiliza também as novas versões TMAX SX e TMAX DX.

A nova TMAX vem equipada com um motor de dois cilindros em linha de 530cc e refrigeração líquida com YCC-T, que oferece um excelente binário que proporciona uma aceleração rápida em semáforos e cruzamentos. Tem uma dianteira mais compacta que reúne os quatro faróis em LED e as luzes de presença e um novo escape silencioso, curto e compacto, que lhe dá um aspecto mais desportivo e dinâmico. 

A TMAX de 2017 está equipada com o avançado sistema eletrónico de controlo do acelerador Yamaha (YCC-T), sendo o primeiro modelo Yamaha com CVT a beneficiar desta tecnologia. A adoção do novo YCC-T sofisticado permitiu aos designers da Yamaha equipar a TMAX com um novo sistema de controlo de tração (TCS). Este avançado sistema eletrónico contribui para a segurança do motociclista, ajudando a garantir arranques mais suaves e aderência segura em pisos molhados, escorregadios e com elementos soltos.

Além do novo quadro em alumínio e do braço mais longo, a TMAX também recebeu um novo tipo de suspensão traseira de tipo "link" com um amortecedor traseiro horizontal, uma correia de transmissão de fibra de carbono de elevada resistência, pneus leves com jante da roda traseira de 4,5 polegadas e um novo painel de instrumentos TFT.

Para além de todas estas características, comuns aos três modelos de 2017, as TMAX SX e DX está também equipada com um conjunto de opções exclusivas e acabamentos com pintura especial que reforçam o estilo exclusivo e melhoram o caráter dinâmico. O Yamaha D-MODE é uma funcionalidade de controlo eletrónico que dá aos motociclistas dos modelos TMAX SX e TMAX DX a oportunidade de ajustar o modo de funcionamento do motor para se adequar à situação e às condições de condução. Os motociclistas podem escolher entre modo T para condução na cidade e o modo S para condução desportiva, bastando para tal premir um interrutor sequencial no lado direito do guiador.

Os proprietários da TMAX SX e TMAX DX serão os primeiros proprietários de uma Yamaha a entrar no mundo conectado, através da aplicação My TMAX Connect. Utilizando a aplicação para telemóvel, estes clientes têm acesso a uma vasta gama de dados relacionados com a sua SX ou DX, incluindo um localizador da sua TMAX, graças ao sistema de GPS integrado, bem como uma funcionalidade remota de buzina e piscas, alerta de pilha fraca, alerta de velocidade, perímetro virtual e relatório de viagem.

A topo de gama TMAX DX tem ainda mais tecnologias exclusivas, nomeadamente controlo da velocidade de cruzeiro, vidro ajustável eletronicamente, punhos e banco principal aquecidos, suspensão traseira regulável, aplicação My TMAX Connect e GPS integrado.

As novas TMAX deverão chegar aos concessionários em Março de 2017 e vão estar disponíveis nos seguintes esquemas cromáticos:

TMAX: Midnight Black 
TMAX SX: Matt Silver, Liquid Darkness 
TMAX DX: Phantom Blue, Liquid Darkness

AdM @ 9-11-2016 17:50:42


Últimas notícias