GP Jr, Valencia – David Alonso e Rueda partilham as vitórias do JuniorGP

Ação aqui ao lado também

Cinco corridas fantásticas tiveram lugar durante a segunda ronda da temporada no Circuito Ricardo Tormo, com David Alonso (Aspar Team) e José Rueda (Team Estrella Galicia 0,0) a partilhar os despojos da classe JuniorGP, Lukas Tulovic vencedor das Moto2 e Joel estéban ficou com os 25 pontos na Talent Cup  

andardemoto.pt @ 23-5-2022 21:10:39 - Paulo Araújo

A corrida para a vitória na JuniorGP foi até à última volta e na curva final foi Alonso que venceu o rei Angel Piqueras (Team Estrella Galicia 0,0) por apenas 0,030s - este último vindo da parte de trás da grelha para o pódio.

O terceiro lugar foi para David Salvador (Academia Laglisse), quando o espanhol acrescentou um pódio ao seu 3º no Estoril, com Rueda a tirar 4º da Corrida 1.

A Corrida 2 seguiu um padrão semelhante, uma batalha até ao fim.

Desta vez, Rueda (99) liderou o grupo durante a maior parte da corrida para vencer.

Liderando o Campeonato após a Corrida 1, Alonso caiu na curva final mas conseguiu voltar a montar e cruzar a linha 7º. Mas tendo ganho da pole, Rueda dirige-se para Barcelona como líder da corrida do título.



A luta pela vitória na Moto2 ECh foi entre Tulovic (3) e Alex Escrig (Yamaha Philippines Stylobike) depois de Senna Agius (Promoracing) ter caído da liderança na Curva 12, nas primeiras trocas.

Tulovic ganhou por 1,1s para alargar a liderança do Campeonato, com o último lugar do pódio a ir para Xavi Cardelus (Promoracing) depois de uma boa luta com Yeray Ruiz (FAU55 TEY Racing).

As honras STK600 foram para Marco Tapia (Easyrace Team) após o espanhol ter cruzado a linha 10º.

Depois de uma queda do Dodo Boggio (Aspar Team) ter trazido as bandeiras vermelhas, um sprint de 5 voltas decidiu a Corrida 1 no Hawkers ETC.

Dois décimos dividiram os quatro primeiros, mas foi mais uma vez Esteban que conseguiu defender-se da competição para a sua terceira vitória consecutiva, enquanto a Team Estrella Galicia 0,0, os companheiros de equipa Brian Uriarte e Rico Salmela completaram o pódio à frente do quarto classificado Guido Pini (AC Racing Team).



A Corrida 2 acabou por ser um pouco mais directa para Esteban (71). O contacto entre Uriarte e Pini desfez o grupo líder, e a partir daí, Esteban esticou a sua vantagem para eventualmente levar a bandeira axadrezada por mais de 2,9s.

No entanto, uma infracção técnica viu a sua quarta vitória ser-lhe retirada, pelo que, após um problema mecânico na Corrida 1 e uma penalização de Longa Volta na Corrida 2, o actual Campeão Martinez conseguiu os seus primeiros pontos da época com 1º no que foi um final fotográfico entre ele e Pini em segundo.

Boggio foi promovido a 3º depois das desgraças do seu companheiro de equipa, enquanto Esteban se dirige a Barcelona com uma vantagem de 13 pontos na classificação geral.

andardemoto.pt @ 23-5-2022 21:10:39 - Paulo Araújo


Clique aqui para ver mais sobre: Desporto