António Lopes

António Lopes

Motociclista desde sempre

OPINIÃO

A todos os Motoclistas e demais interessados.

Nestes tempos em que a discussão anda à volta do anúncio de que as inspeções para as motosserão obrigatórias a partir de 2022, começo por registar a capacidade do meio motociclistacontinuar a conseguir lutar pelos seus direitos e aspirações, afirmando um sentido de grupo eentreajuda tão característico dos que andam de moto.

andardemoto.pt @ 31-10-2021 18:38:00 - António Lopes

Parece-me que estamos todos a desperdiçar uma grande oportunidade de transmitir à sociedade em geral que as pessoas que andam de moto são pessoas normais e bem comportadas, com vontade de contribuir para o bem comum e que, por isso, estão dispostos a cumprir a lei, neste caso aceitando as regras idênticas à maioria dos países europeus, aceitando que as motos como qualquer outro veículo que circule nas estradas tem que estar num estado de conservação conforme todas as regras de segurança e de acordo com todas as regras do código da estrada.

Lutar para não haver inspeções é ir em sentido contrário, é continuar a ter a atitude conservadora (que acho que estava a melhorar), de que as motos são tão especiais que podem fazer barulho, que podem andar no meio das filas de trânsito a velocidades completamente desadequadas pondo em risco a vida dos próprios e a dos outros, que podem ser alteradas por puros amadores sem o mínimo de preocupação com as regras existentes, etc, etc.

Lutar para não haver inspeções é contribuir para que os miúdos que aspiram a ter uma moto nunca a venham a ter, pois os pais ao verem este tipo de reivindicações não vão querer que os seus filhos pertençam a um grupo que não gosta de cumprir regras.

Dizem-me que as inspeções servirão para enriquecer uns tantos que representam os interesses das grandes multinacionais. Ora, pagar 40€ por ano nos casos em que é necessário fazer as inspeções anualmente não me parece um exagero, apesar de compreender que qualquer gasto a mais é sempre penalizador.

Por tudo isto peço-vos que pensem, discutam este assunto moderadamente e sem ideias pré-concebidas. Às vezes as mudanças são positivas, ser sempre do contra é que normalmente não é uma boa atitude.

andardemoto.pt @ 31-10-2021 18:38:00 - António Lopes


Clique aqui para ver mais sobre: Opiniões