Fique a conhecer melhor a primeira Ducati Panigale V4 R do Mundial de Resistência FIM

A equipa alemã Hertrampf Racing Endurance Team decidiu fazer o que muitos pensavam ser complicado: competir no Mundial de Resistência FIM com uma Ducati. A prova de estreia foi o Bol d’Or e neste vídeo podemos ficar a conhecer em detalhe a primeira Panigale V4 R de resistência.

andardemoto.pt @ 30-9-2019 22:52:54

Competir no Mundial de Resistência Fim obriga as equipas a uma preparação das suas motos totalmente diferente do que estamos habituados a ver para competir em corridas de “sprint”. Uma prova de resistência, seja de 6, 8, 12 ou 24 horas puxa pelos limites da mecânicas de cada moto, e a preparação da mesma é por isso fundamental.

Se os fãs do Mundial de Resistência FIM estão já habituados a ver motos de fabricantes japoneses (Honda, Kawasaki, Suzuki e Yamaha) e até da BMW Motorrad a lutar consistentemente pelas vitórias, esta temporada 2019 / 2020 deste campeonato conta com a presença de uma nova formação: a Hertrampf Racing Endurance Team.

A estrutura alemã decidiu competir com uma Ducati Panigale V4 R, e apesar de não ser uma equipa de fábrica, a verdade é que a HRT 100 conta com a ajuda da Ducati Corse que coloca alguns engenheiros na box da equipa.

Com a estreia em competição no recente Bol d’Or, a corrida de abertura da temporada e logo com 24 horas de duração, a HRT 100 não tinha pela frente uma tarefa fácil.


Depois de toda a preparação daquela que é a primeira Panigale V4 R de resistência, a equipa acabou por abandonar a corrida com problema técnico. O motor V4 é igual ao utilizado pela equipa de fábrica da Ducati no Mundial Superbike e não foi a causa da desistência. A causa foi precisamente devido à utilização de componentes específicos para o Mundial de Resistência FIM.

A moto foi equipada com um conjunto de radiadores sobredimensionados, o que em conjunto com o tempo mais frio que se fez sentir durante o Bol d’Or, fez com que a temperatura do motor descesse para um nível abaixo do necessário para manter o óleo no seu melhor.

Com uma temperatura tão baixa a pressão de óleo baixou drasticamente, e a equipa optou então por retirar a moto de prova antes do motor sofrer uma falha catastrófica.

A próxima corrida será em novembro, as 8 Horas de Sepang, e aí a Ducati Panigale V4 R da HRT 100 não deverá voltar a sofrer destes problemas.

Até lá, fique a conhecer em detalhe esta novidade no Mundial de Resistência FIM, num vídeo cortesia do próprio organizador do mundial.

andardemoto.pt @ 30-9-2019 22:52:54