SBK 2023 - Petrucci junta-se à Barni Ducati

Vencedor em MotoGP muda de rumo

O piloto italiano Danlo Petrucci confirmou que participará na sua primeira campanha de SBK, embora já tenha competido antes nas extintas Superstock 1000, pelo que é um regresso ao paddock de SBK.

andardemoto.pt @ 26-11-2022 12:04:13 - Paulo Araújo

Danilo Petrucci fará a sua estreia no Mundial Motul de Superbike em 2023 depois assinar um acordo com a BARNI Spark Racing Team para a próxima temporada.

Para Petrucci é um regresso ao paddock onde começou a fazer um nome, pois já tinha lutado pelo título de STK1000 de 2011 com a equipa Barni Ducati

O piloto de Terni regressa à equipa para a campanha de 2023 SBK, após um ano de competição nos Estados Unidos em que quase se sagrou campeão MotoAmerica.

Petrucci fez a sua primeira aparição dentro do paddock SBK em 2007, numa Yamaha de STK600, permanecendo no Campeonato durante três temporadas após seis poles e três vitórias.

Para 2010, passou para as STK1000 durante duas temporadas, primeiro com a Pedercini em Kawasaki e depois com a Barni em Ducati.

Nesta, teve quatro vitórias e seis pole positions em dez corridas, e ficou em segundo lugar no Campeonato, antes de passar para a MotoGP.


Passou dez épocas completas a competir no MotoGP e é duas vezes vencedor do Campeonato, ganhando o Grande Prémio de Itália de 2019 em Mugello e o Grande Prémio de França de 2020 em Le Mans.

Com a marca italiana desde 2015, Petrux passou a maior parte da sua carreira a correr pela Ducati e foi com a Ducati que teve a maior parte dos seus sucessos.

Duas vitórias e 10 pódios foram todos com a Ducati, mas a sua última temporada completa foi com a KTM e teve uma participação pontual com a Suzuki em 2022.

Após a sua última temporada completa no MotoGP, Petrucci regressou às motos baseadas em produção com uma mudança para os Estados Unidos na MotoAmerica, numa Ducati Panigale V4 R da Ducati Nova Iorque.

Petrucci lutou pelo título na sua única temporada nos EUA, reclamando cinco vitórias e acabando por terminar em segundo lugar, atrás de Jake Gagne, com quem batalhou toda a época. Também se aventurou no Rally Dakar com a KTM no início de 2022, ganhando uma etapa do icónico evento todo-o-terreno e cimentando a sua fama de multi-facetado.

Para 2023, Petrucci ficará com o Ducati Panigale V4 R da Barni, mas desta para a sua primeira campanha SBK e comentou:

"Estou realmente satisfeito por estar de volta com a Barni. 2011 foi uma das minhas melhores épocas de sempre mas, mais importante, não podia dizer não à oportunidade de correr nas  Superbike com uma moto tão competitiva. É um Campeonato em que eu nunca competi, e mal posso esperar para me comparar à competição. Quero agradecer a toda a equipa Barni por me ter dado esta oportunidade e a todos os que contribuíram para tornar este acordo possível".

O chefe de equipa Marco Barnabó acrescentou: "Estou muito feliz por dar as boas-vindas a Danilo de volta à equipa. Como sempre, faremos o nosso melhor para fornecer ao piloto tudo o que ele precisa para ser competitivo. O seu talento não está em causa. Sabemos que há muito trabalho pela frente porque vamos enfrentar pilotos com muito mais experiência nas SBK do que ele tem, mas, com a sua motivação e o nosso trabalho árduo, sabemos que podemos fazer bem. Um enorme obrigado a todos os patrocinadores nesta nova aventura e à Ducati".


andardemoto.pt @ 26-11-2022 12:04:13 - Paulo Araújo


Clique aqui para ver mais sobre: Desporto