GSX-R 250 SF é a nova aposta da Suzuki. Mas será que vem para a Europa?

Casa de Hamamtsu pretende disponibilizar aos condutores menos experientes uma moto de baixa cilindrada mas elevadas prestações. A nova GSX-R 250 SF é a mais recente aposta da Suzuki nas desportivas de baixa cilindrada, mas não há confirmação de que fique disponível na Europa.

andardemoto.pt @ 7-10-2019 21:22:13

O Salão de Milão EICMA abre as suas portas dentro de um mês, e até lá o mais normal será sermos bombardeados com rumores e informações sobre novos modelos. O mais recente modelo a captar a nossa atenção é a Suzuki GSX-R 250 SF.

Esta moto de linhas desportivas, ainda que não tão agressivas quanto as GSX-R que já conhecemos, incluindo a GSX-R 125 que o seu Andar de Moto já testou aqui, oferece um posição de condução menos exigente fruto da utilização de punhos colocados acima da mesa de direção.

No design destaca-se a utilização de uma ótica frontal totalmente nova, em LED, que encaixa perfeitamente nas linhas aerodinâmicas desta GSX-R 250 SF.


Apresentação técnica da Suzuki GSX-R 250 SF


Mas o maior destaque desta novidade será o seu motor. A Suzuki aposta num monocilíndrico de uma única árvore de cames, mas que utiliza algumas soluções técnicas bastante interessantes e que lhe permitem anunciar uma potência máxima de 26 cv às 9000 rpm.

Este motor da GSX-R 250 SF dá uso ao comprovado e fiável sistema SACS – Suzuki Advanced Cooling System. O SACS leva o óleo desde o cárter até ao radiador, para arrefecer, e depois o óleo é enviado para as zonas mais quentes do motor para uma melhor refrigeração e lubrificação.

O pistão conta com tratamento antifricção, enquanto o revestimento exterior da camisa é granulado. A Suzuki diz que desta forma conseguem dispersar mais eficazmente o calor, e quando se somam todas estas soluções técnicas a nova GSX-R 250 SF consegue disponibilizar mais potência, menores consumos e também garantir uma fiabilidade “à prova de bala”.

Com um quadro dupla trave, suspensão frontal telescópica e monoamortecedor traseiro, os nossos leitores mais atentos deverão ter reparado nos “acessórios” em tubos de metal que se encontram fixos à moto do lado esquerdo na secção traseira.

Estes tubos funcionam como proteção para que as vestes das mulheres indianas, as conhecidas “saree”, não se enrolem na transmissão ou na roda da moto.

Este detalhe é importante pois ficamos desde já a saber que a Suzuki planeia comercializar a nova GSX-R 250 SF no mercado indiano, e provavelmente por toda a Ásia. Fica por confirmar se esta pequena desportiva da casa de Hamamatsu chegará à Europa.

A Suzuki prometeu apresentar no Salão de Milão EICMA uma gama alargada de novidades. Para além da muito aguardada Hayabusa ou a DR Big, será que a GSX-R 250 SF será mais uma das novidades que podemos ver no stand da marca japonesa no certame italiano?

andardemoto.pt @ 7-10-2019 21:22:13