MV Agusta Brutale 1000 RR e Brutale 1000 RS 2023

As hipernakeds da MV Agusta foram atualizadas a nível eletrónico, motriz e ciclístico.

andardemoto.pt @ 21-11-2022 16:18:00

O modelo fala por si próprio através do seu nome, Brutale. As hipernaked 1000 RR e RS da MV Agusta que já mostravam bons desempenhos, foram alvo de melhorias para o ano de 2023.

Com alterações focadas na performance e não tanto na estética, as Brutale 1000 RR/RS, as continuam a mostrar uma postura agressiva e artistica.

As MV Agusta Brutale 1000 RR e 1000 RS sofreram 23 modificações ao todo que prometem fazer a diferença e dar ao motociclista uma maior integração com a moto.

Com 208 cv distribuídos de forma linear pela escala das rotações do tetracilíndrico, as MV Agusta Brutale 1000 RR/RS recebem nos modelos para 2023 uma cambota contra-rotante que vai diminuir em 54% as vibrações causadas nas rotações mais elevadas .

Relevante referir que a importância da redução de vibrações vem aumentar o conforto do motociclista e diminuir o desgaste das juntas de conexão dos componentes e das peças em si.

O motor que equipa as hipernakeds italianas continua a incorporar no seu motor elementos que mostram o empenho da fabricante na máxima performance, como as válvulas radiais em titânio e as bielas também em titânio forjado, de modo a reduzir a fricção entre os constituintes do motor, aumentando a sua fiabilidade.


A MV Agusta Brutale RR é caracterizada pela inspiração na competição, com peças em fibra de carbono e forquilha de alta qualidade, Öhlins Nix com acabamento TiN. Na Brutale RS a suspensão está a cargo de uma unidade Marzocchi.

Além das vibrações reduzidas nas MV Agusta 1000 RR/RS, para promover um melhor conforto do motociclista, o assento manteve a mesma forma mas alterou a sua densidade sem alterar a posição de condução.

Para 2023 as MV Agusta Brutale 1000 RR/RS vão possuir um pacote tecnológico ainda mais avançado com atualizações a poderem ser efetuadas na configuração da entrega de binário, controlo de tração e do launch control.

Uma das novidades tecnológicas que vai passar a estar disponível em ambas as hipernakeds da MV Agusta é o acelerador eletrónico que concede uma redução de rotação do motor mais natural e e menos brusca, não tanto on/off.

O Controlo de elevação da frente foi também inovado para que o motociclista tire o máximo partido da aceleração sem medo de levantar demasiado a roda da frente do alcatrão.

As atualizadas MV Agusta Brutale 1000 RR e RS irão estar disponíveis em 2023 com preço ainda por definir.


MV Agusta Brutale 1000 RR e RS ao pormenor

andardemoto.pt @ 21-11-2022 16:18:00


Clique aqui para ver mais sobre: MotoNews