Mercado de motociclos com saldo positivo na primeira metade de 2023

No primeiro semestre de 2024, o mercado de duas rodas e triciclos cresceu, em comparação com o mesmo período de 2023, totalizando 23.927 unidades.

andardemoto.pt @ 7-7-2024 15:00:00

Em Junho de 2024, foram matriculados 159 ciclomotores, uma queda de 37,2 por cento em relação ao mesmo mês de 2023. No acumulado de Janeiro a Junho de 2024, as matrículas de veículos de duas rodas com cilindrada inferior a 50cc totalizou 901 unidades, representando um decréscimo de 22,8 por cento face ao período homólogo de 2023.

No mesmo periodo, foram matriculados 4.736 motociclos, no total, o qie representa um ligeiro crescimento de 0,7 por cento face a Junho de 2023. No total do primeiro semestre de 2024, foram matriculados 22.901 motociclos, um aumento de 1,6 por cento em comparação com o mesmo período do ano anterior.

Os motociclos elétricos registaram um decréscimo de 32,5 por cento em Junho de 2024, com apenas 54 unidades matriculadas. De Janeiro a Junho de 2024, as matrículas caíram 34,2 por cento, totalizando somente 250 unidades.


No que diz respeito aos motociclos com cilindrada até 125 cm³, em Junho de 2024 foram matriculadas 2.356 unidades, uma queda de 9,1 por cento face ao mesmo mês de 2023. Também no acumulado semestral, as matrículas destes veículos totalizaram 10.879 unidades, uma diminuição de 2,2 por cento em relação ao período homólogo de 2023.

Em Junho de 2024, foram matriculados 2.326 motociclos com cilindrada superior a 125 cm³ um aumento de 14,5 por cento em relação a Junho de 2023. No acumulado do primeiro semestre de 2024, foram matriculados 11.772 motociclos, representando um crescimento de 6,6 por cento face ao mesmo período de 2023.

Estes dados evidenciam uma ligeira recuperação no mercado de motociclos, especialmente nos veículos com cilindrada superior a 125 cm³

andardemoto.pt @ 7-7-2024 15:00:00


Clique aqui para ver mais sobre: MotoNews