MotoGP – Apresentação da equipa Monster Energy Yamaha

O jovem francês Fabio Quartararo faz a sua estreia com as cores da equipa de fábrica da Yamaha ao lado de Maverick Viñales. Veja aqui todos os detalhes da apresentação da equipa Monster Energy Yamaha para a temporada 2021 de MotoGP.

andardemoto.pt @ 15-2-2021 11:40:13

Foi através de uma apresentação virtual que a equipa de fábrica da Yamaha de 2021 para MotoGP se deu a conhecer ao mundo e aos fãs. Tendo o “quartel general” do departamento de competição da Yamaha Racing na Europa, em Gerno di Lesmo, como cenário, Maverick Viñales deu as boas-vindas ao jovem francês Fabio Quartararo na equipa Monster Energy Yamaha.

Em 2021 será o 60º ano em que a Yamaha estará presente nos Grandes Prémios. A nova temporada que se avizinha será, a todos os títulos, bastante especial para o construtor de Iwata. E para garantir que a nova temporada termina com melhores resultados, nada melhor do que reformular metade da dupla de pilotos.

Valentino Rossi saiu da equipa Monster Energy Yamaha e vai estar aos comandos da Yamaha YZR-M1, com especificação igual às motos de fábrica, mas inserido na equipa Petronas Yamaha SRT. Para o seu lugar, a formação japonesa liderada por Lin Jarvis e Massimo Meregalli escolheu contratar Fabio Quartararo.

Leia também - MotoGP: Apresentação da equipa Ducati Lenovo Team


O piloto francês vem de uma temporada de altos e baixos. O segundo ano de Quartararo em MotoGP confirmou que é um dos pilotos mais rápidos em pista. Começou 2020 com duas vitórias e parecia encaminhado para o título, o seu primeiro. Mas os problemas de motor das Yamaha, aliados à inconsistência de performance do piloto, deixaram Quartararo completamente fora da luta pelo título que viria a ser conquistado por Joan Mir.

Maverick Viñales continuará a vestir as cores da equipa de fábrica da Yamaha mais uma temporada. O espanhol, que continua à procura do seu primeiro título de MotoGP, está na equipa desde 2017, e apesar de ser um dos melhores pilotos da categoria rainha, por uma ou outra razão parece que não consegue atingir o nível que muitos apostavam que ele ia atingir quando chegou ao MotoGP.

Leia também - MotoGP: Apresentação da equipa Red Bull KTM Factory


Quanto à moto, o protótipo Yamaha YZR-M1 mantém-se praticamente inalterado em relação à versão 2020. Nem mesmo as decorações são diferentes, e se colocassem frente a frente a YZR-M1 do ano passado com a YZR-M1 agora apresentada, poucos seriam aqueles que conseguiam apontar diferenças.

De referir que a Monster Energy Yamaha não pode alterar motor e pacote aerodinâmico para 2021.

Nesta apresentação da Monster Energy Yamaha destacam-se ainda duas notas.

A primeira é que a equipa terá agora Cal Crutchlow como piloto de testes de MotoGP. O veterano britânico colocou um ponto final na sua carreira desportiva em 2020, e está de regresso às motos da Yamaha depois de alguns anos em que pilotou as Ducati e também a Honda. Crutchlow é conhecido no paddock por não ter medo de dizer o que pensa, inclusivamente não tem receio em apontar o dedo aos responsáveis da marca e equipa quando acha que não estão a tomar as decisões acertadas.

Leia também - MotoGP: Apresentação da Tech3 KTM Factory Racing



Será interessante perceber como irá o britânico reagir quando começar a testar com a Monster Energy Yamaha já nos testes oficiais do Qatar, a partir de 5 de março, sabendo-se como a Yamaha tem sido bastante inflexível ao nível do programa de desenvolvimento da YZR-M1.

A segunda nota de destaque é que Valentino Rossi, ou melhor, a sua marca VR46 Racing Apparel, continuará intimamente ligada à Monster Energy Yamaha. É do conhecimento geral que Rossi fatura muitos milhões com a sua linha de merchandising VR46, e a sua empresa é responsável pelo fabrico e comercialização de material de diversos pilotos.

A partir de agora a VR46 Racing Apparel vai começar a fornecer e comercializar ao público os equipamentos de toda a equipa Monster Energy Yamaha.

Leia também - MotoGP: Os detalhes técnicos da Ducati Desmosedici GP21 da equipa Ducati Lenovo Team


Lin Jarvis, diretor da Yamaha Motor Racing

“O ano passado a Yamaha foi o fabricante de maior sucesso em termos de vitórias em Grandes Prémios, com um total de sete vitórias, mas falhámos a conquista do campeonato. O nosso objetivo para este ano é conquistar o título de MotoGP. Com a chegada do Fabio aliada ao Maverick temos dois candidatos ao título e por isso sabemos o que precisamos de fazer. Vencer corridas e manter a consistência ao longo da temporada. Penso que com as melhorias na moto e as mudanças na equipa estamos prontos para fazer isso”.

Massimo Meregalli, diretor de equipa Monster Energy Yamaha

“2020 foi uma temporada complicada, mas aprendemos com ela enquanto equipa e agora estamos conscientes do que esperar para 2021. Estamos confiantes para os testes do Qatar. Os engenheiros japoneses da Yamaha dedicaram muito tempo no desenvolvimento da M1. Temos muitas coisas novas para experimentar, e mal podemos esperar para começar. Outra mudança é que agora temos dois pilotos jovens, que estão ambos muito ansiosos para começar, por isso estamos a enfrentar esta pré-temporada com uma atitude de nós conseguimos”.

Galeria de fotos Yamaha YZR-M1 da Monster Energy Yamaha



Maverick Viñales #12 Monster Energy Yamaha

“O ano passado foi um ano maluco para nós. Deixámos isso para trás e estamos focados no que podemos fazer. Com os dois testes de Sepang cancelados terei de esperar mais um pouco para pilotar a minha M1 novamente. É uma pausa de inverno muito longa, por isso estou a sentir-me impaciente para começar a trabalhar, mas numa forma positiva. Após ter desfrutado de tempo de descanso estamos todos excitados por começar a trabalhar novamente. Não temos muitas oportunidades para testar, por isso vamos ter de estar no nosso melhor desde o primeiro momento”.

Galeria de fotos Maverick Viñales


Fabio Quartararo #20 Monster Energy Yamaha

“Estou excitado por começar uma nova temporada, especialmente porque estou numa nova equipa. Ao longo da minha carreira sempre tenho estado a mudar-me de equipa para equipa. Eu gosto disto. É excitante trabalhar com pessoas novas e aprender coisas novas. Mal posso esperar por começar o teste do Qatar. Finalmente poderei experimentar a minha Monster Energy Yamaha YZR-M1 pela primeira vez. Vi bastantes versões photoshop nas redes sociais, mas por mais bem feitas que tenham sido, nada se compara com o que senti quando vi pela primeira vez a moto na realidade. Mal posso esperar por começar a pilotar!”.

Galeria de fotos Fabio Quartararo

andardemoto.pt @ 15-2-2021 11:40:13


Clique aqui para ver mais sobre: MotoGP