MotoGP 2021 – Antevisão e horários do Grande Prémio de São Marino

De 17 a 19 de setembro o paddock de MotoGP estará no Misano World Circuit Marco Simoncelli. O Grande Prémio de São Marino é a 14ª prova da temporada e as emoções na categoria rainha estão ao rubro. Veja aqui os horários completos.

andardemoto.pt @ 14-9-2021 08:00:00

Depois de um Grande Prémio de Aragão de fortes emoções e antes mesmo da viagem até aos Estados Unidos, o paddock de MotoGP vai ocupar durante o fim de semana de 17 a 19 de setembro o Misano World Circuit Marco Simoncelli.

Nesta que será a 14ª prova da temporada da categoria rainha, e a primeira de duas visitas confirmadas ao traçado perto de Rimini, os fãs podem esperar a continuação do espetáculo e muitas emoções que têm pautado a temporada 2021 de MotoGP, conforme se viu em Motorland Aragón que resultou na primeira vitória de Francesco Bagnaia (Ducati Lenovo Team).

E é precisamente o jovem italiano Bagnaia que parte como favorito para vencer este Grande Prémio de São Marino. Já na temporada passada o recruta da Ducati, então na Pramac, mostrou que os treinos que ali realiza frequentemente com a VR46 Academy lhe dão uma vantagem sobre os rivais de MotoGP. Bagnaia chegou mesmo a ter a vitória nas mãos no traçado italiano, depois de regressar de grave lesão, mas não conseguiu no ano passado a tão desejada primeira vitória em MotoGP.


Mas agora que também já sentiu o sabor da vitória na categoria rainha, Francesco Bagnaia passa também a ter a pressão adicional que os vencedores têm, ainda para mais quando o plantel de MotoGP apresenta tantos pilotos capazes de vencer. Recordamos que, com a vitória do italiano em Aragão, MotoGP já teve oito vencedores diferentes em 2021. Será que teremos um 9º vencedor diferente já na primeira corrida de Misano?

A resposta a esta pergunta não é fácil, pois, como referimos, o equilíbrio é a nota dominante no plantel de MotoGP. Se tivermos em conta as cada vez mais reduzidas diferenças de tempos, seja em qualificação, seja em corrida, há muitos anos que não se via tanto equilíbrio.

Para além de Bagnaia e do seu companheiro de equipa Jack Miller, a lista de candidatos à vitória no Grande Prémio de São Marino inclui, claro, o líder do campeonato Fabio Quartararo (Monster Energy Yamaha), que depois de perder pontos para os seus rivais mais diretos na luta pelo título, vai querer responder com uma sexta vitória este ano.



Joan Mir (Ecstar Suzuki), Aleix Espargaró (Aprilia Gresini), Marc Márquez (Repsol Honda), mas também nomes como os dois pilotos Pramac Ducati, Jorge Martin e Johann Zarco. Quem também estará em Misano com um “boost” extra de energia será Valentino Rossi, que terá certamente o apoio mais forte dos seus fãs, sendo que o italiano da Petronas Yamaha SRT reside bem perto do circuito.

Mas será que na sua penúltima corrida em Misano e frente aos seus fãs, Valentino Rossi vai demonstrar um ritmo que lhe permita lutar pelos lugares que em 2021 ainda não conseguiu atingir?

No plantel de MotoGP, e depois de algumas incertezas que inclusivamente davam como certa a sua participação no GP de Aragão, já teremos finalmente Andrea Dovizioso ao lado de Rossi na Petronas Yamaha SRT, posição que assume a tempo inteiro até final desta temporada e também na próxima.

Franco Morbidelli também deverá fazer a sua estreia na equipa Monster Energy Yamaha. Era suposto ter regressado em Aragão, mas de forma surpreendente foi Cal Crutchlow que fez papel de companheiro de equipa de Quartararo. Morbidelli, que, recordamos, é vice-campeão em título de MotoGP, já testou em Misano com uma R1 há poucos dias para perceber a sua condição física depois da operação que o deixou fora de ação várias semanas. Veremos como estará o italiano que é também profundo conhecedor dos segredos do circuito italiano.


Quanto ao português Miguel Oliveira, o piloto da Red Bull KTM Factory regressou aos pontos no passado domingo. O Grande Prémio de Aragão foi tudo menos fácil para Miguel Oliveira, que viu as suas ambições num bom resultado esfumarem-se logo na qualificação, sendo que na corrida voltou a sentir muitas dificuldades relacionadas com os pneus Michelin.

Felizmente a Red Bull KTM Factory parece estar atenta ao que se passa, e tudo indica que em Misano teremos novidades para Miguel Oliveira, pelo menos uma estratégia diferente, com o gestor de corrida da equipa austríaca, Mike Leitner, a garantir que a KTM tudo fará para ajudar Miguel Oliveira a recuperar a forma que já mostrou em 2021 e que o colocou em destaque antes da pausa de verão.


Horários completos do Grande Prémio de São Marino


Sexta-feira 17 de setembro
08:00 - 08:40 Moto3 FP1
08:55 - 09:40 MotoGP FP1
09:55 - 10:35 Moto2 FP1
12:15 - 12:55 Moto3 FP2
13:10 - 13:55 MotoGP FP2
14:10 - 14:50 Moto2 FP2

Sábado 18 de setembro
08:00 - 08:40 Moto3 FP3
08:55 - 09:40 MotoGP FP3
09:55 - 10:35 Moto2 FP3
11:35 - 11:50 Moto3 Q1
12:00 - 12:15 Moto3 Q2
12:30 - 13:00 MotoGP FP4
13:10 - 13:25 MotoGP Q1
13:35 - 13:50 MotoGP Q2
14:10 - 14:25 Moto2 Q1
14:35 - 14:50 Moto2 Q2

Domingo 19 de setembro
07:20 – 07:40 Moto3 Warm Up
07:50 - 08:10 Moto2 Warm Up
08:40 - 09:00 MotoGP Warm Up
10:00 Moto3 Corrida
11:20 Moto2 Corrida
13:00 MotoGP Corrida

andardemoto.pt @ 14-9-2021 08:00:00


Clique aqui para ver mais sobre: MotoGP