MotoGP 2024, GP Américas - Viñales mais rápido no TL1

Pedro Acosta brilha no COTA

Maverick Viñales lidera o no treino de abertura do MotoGP em COTA, após Pedro Acosta ter mantido a sua KTM Tech3 no topo durante a fase inicial do Treino Livre 1 em que Oliveira ficou em 17º..

andardemoto.pt @ 12-4-2024 19:19:00 - Paulo Araújo

Acosta rapidamente perdeu a liderança para Maverick Viñales, a mostrar uma velocidade consistente a bordo da sua Aprilia de fábrica ao ser o primeiro piloto a quebrar a barreira dos 2:06s antes do vencedor de 2023, Alex Rins, ser o mais rápido a seguir.

Os tempos por volta continuaram a cair, mas foi novamente Viñales que liderou o caminho ao passar abaixo da barreira dos 2:05s, para liderar Francesco Bagnaia.

Após um erro inicial, Marc Márquez regressou às boxes para fazer alterações na sua Ducati Gresini GP23 e voltou à ação em último lugar, 4,8 segundos abaixo do melhor tempo de Viñales, 2:04,575s.

Alex Márquez saiu pouco depois na curva 12, tornando-se o primeiro piloto de MotoGP a cair este fim-de-semana.


Na frente, a KTM começou a mostrar o seu potencial com Jack Miller e Brad Binder a subirem para o segundo e terceiro lugares.

O próximo que esteve perto de cair foi o líder do campeonato, Jorge Martin, com o piloto da Pramac a salvar a frente à justa na curva 19.

Martin rapidamente deixou esse momento para trás e passou a ser o mais rápido, à frente de Marco Bezzecchi e Viñales, que melhoraram os seus tempos.

A um terço do final da sessão, houve ainda mais mudanças no topo quando Jack Miller foi o mais rápido graças a um tempo de 2:04,210s.

Franco Morbidelli teve um bom início no TL1 ao subir brevemente para segundo, no entanto, rapidamente se tornou quarto, com Acosta a quebrar a barreira dos 2:03s.

Marc Márquez juntou-se então ao estreante da KTM, tirando um grande pedaço ao seu melhor tempo anterior.

Viñales voltou ao topo a poucos minutos do fim, antes de encontrar ainda mais tempo na última volta enquanto Martin ameaçava ultrapassar o piloto da Aprilia, tal como Acosta, mas Viñales manteve-se forte graças a um setor final muito bom.

Miguel Oliveira, entretanto, acabou em 17º a 1,2s da frente.


andardemoto.pt @ 12-4-2024 19:19:00 - Paulo Araújo


Clique aqui para ver mais sobre: MotoGP