Histórico: 6 fabricantes dentro do top 8 em Valencia

Viñales reclama a pole sobre Rins e Dovi, enquanto Marquez desloca o ombro, com o top 8 dividido por 0,318 de segundo.

andardemoto.pt @ 17-11-2018 15:11:39

Última pole do ano para Viñales

Última pole do ano para Viñales

Depois de uma sensacional batalha pela última pole de 2018, Maverick Viñales (Yamaha Movistar) foi o homem a levar P1 no Cronometrado final do Grande Prémio Motul da Comunidade Valenciana, com  o seu 1: 31.312. Isto foi o suficiente para derrotar o segundo lugar Alex Rins (Suzuki Ecstar) por 0,068 e o terceiro lugar Andrea Dovizioso (Ducati Team) por 0,080. No mesmo treino, Marc Marquez (Repsol Honda) caiu ao travar, deslocou o ombro e regressou para reclamar P5 - milagroso. Além disso, um pedaço da história foi feito nesta sessão do GP de Valência, já que todos os seis fabricantes terminaram entre os oito primeiros nas eliminatórias - a primeira vez que isto aconteceu na história dos Grand Prix. Inicialmente, foi Dovizioso quem definiu o ritmo, mas Danilo Petrucci (Ducati Alma Pramac) levou a melhor sobre o seu compatriota para marcar o primeiro 1:31 da sessão, antes de voltar a bater a grelha na sua próxima volta - um 1: 31.531 ficou como o tempo a bater, com Rins agora 2º.

Dovizioso, Jack Miller (Ducati Alma Pramac) e Andrea Iannone (Suzuki Ecstar) completavam os cinco primeiros. A seis minutos do final, Marquez regressou à pista, mas antes do 93 cruzar a linha, Viñales foi para o topo para levar a pole provisória - Marquez entretanto colocou-se em 3º. Rins estava rápido e ascendeu a 2º, a 0,021 do tempo de Viñales, e Dovi subiu para 3º. Uma sessão de qualificação de cortar a respiração terminou com Viñales liderando, a primeira vez que ele conquistou a pole desde Aragon no ano passado, já que a sua pole na America nesta temporada, foi resultado de uma penalização a Marquez. O seu 1: 31.312 foi 0.068 mais rápido que o de Rins, o espanhol recuperando-se de dois acidentes de sábado a partir da primeira linha, com Dovizioso a apenas 0,080, fora da primeira fila. Petrucci estava a apenas 0,022 da primeira fila em quarto na sua última corrida com a Alma Pramac Racing, com Marquez a partir de um 5º impressionante.

Foi um grande dia para Pol Espargaró (Red Bull KTM) ao conquistar o 6º na qualificação, a apenas 0,265 da pole, com Andrea Iannone (Suzuki Ecstar) 7º a 0,317 da pole. Aleix Espargaró (Aprilia Gresini) em 8º fez todos os seis fabricantes estarem entre os oito primeiros pela primeira vez na história - apenas 0,318 de segundo dividindo as seis fábricas. Na sua qualificação final, Dani Pedrosa (Honda Repsol) averbou a 9ª posição, e arranca do lado de fora da terceira linha, com Miller a sofrer o quarto acidente do fim-de-semana para começar em 10º. Enquanto em uma volta que estava a menos de 0.3, Johann Zarco (Monster Yamaha Tech 3) caiu no Turno 10 para iniciar o P11 - rider ok, com Michele Pirro (Ducati Team) se classificando para P12 depois de chegar ao Q2 no Free Practice. Depois de não conseguir passar da Q1, Valentino Rossi (Yamaha Movistar) sai de 16º…

MotoGP, Qualificação

1. Maverick VIÑALES - Yamaha Movistar - 1'31.312        

2. Alex RINS - SUZUKI ECSTAR                  

3. Andrea DOVIZIOSO - Ducati Team     

4. Danilo PETRUCCI - Ducati Alma Pramac           

5. Marc MARQUEZ - Honda Repsol

6. Pol ESPARGARO - KTM Red Bull

7. Andrea IANNONE - SUZUKI ECSTAR 

8. Aleix ESPARGARO - Aprilia Gresini     

9. Dani PEDROSA - Honda Repsol

10. Jack MILLER - Ducati Alma Pramac

andardemoto.pt @ 17-11-2018 15:11:39