Sandro Peixe começa o ano a vencer no Nacional de Motocross

A temporada de 2019 do Campeonato Nacional de Motocross arrancou no passado domingo na Moçarria, com o famoso Crossódromo da Carneira a receber 82 pilotos na sua pista de 1500 metros. Depois de mais de dois anos sem vencer no campeonato, Sandro Peixe impôs-se na prova ribatejana, marcada pelas ausências de Luís Correia e Hugo Basaúla.

andardemoto.pt @ 13-3-2019 18:16:47

O piloto da Glória do Ribatejo liderou todas as voltas da primeira manga na MX1, primeiro na frente de Luis Oliveira e mais tarde face a Rui Gonçalves, que passou Oliveira antes de fechar a quarta volta e não mais largou o segundo posto na frente de Oliveira, sendo este seguido por Carlos Alberto e Jonathan Rodriguez, que rodaram desde os primeiros momentos nestas mesmas posições.


Sandro Peixe

Sandro Peixe

Na segunda corrida foi Rui Gonçalves quem liderou até à 10.ª volta quando ficou sem gasolina na sua moto e desceu na classificação de forma irrecuperável deixando o caminho aberto a que fosse Luis Oliveira o segundo na frente de Carlos Alberto e Jonathan Rodriguez, ficando nas mãos de Daniel Pinto o quinto posto final. Na Elite - a corrida que fechou o programa da jornada - venceu Sandro Peixe depois de liderar todas as voltas da mesmas, batendo Rui Gonçalves e Luis Oliveira, os seus companheiros de pódio na frente de Diogo Graça e Luis Outeiro, os melhores MX2 na bandeira de xadrêz.


MX1

MX1

Entre o imenso pelotão das MX2, com 39 motos em pista nos treinos livres, foi Diogo Graça quem venceu a corrida de abertura depois de ascender ao comando na segunda passagem e fechando as 14 voltas com margem de conforto face a Ricardo Freire e Luis Outeiro, pilotos que recuperaram desde a quinta posição (Freire) e oitavo no caso do campeão nacional em título. Renato Silva foi o quarto e André Sérgio o quinto. Na segunda corrida acendeu-se a esperada luta entre Diogo Graça e Luis Outeiro, com Graça a liderar todas as voltas para fechar a corrida com uma diferença ligeiramente superior aos dois segundos e meio, ficando Ricardo Silva em terceiro na frente de Ricardo Freire e Bruno Charrua. Entre os pilotos com motos equipadas com motor a dois-tempos foi Tomás Clemente quem venceu na frente de Rúben Ferreira e Pedro Rino, sorrindo a vitória nos Júniores a Luis Outeiro, que contou com a companhia de Bruno Charrua e Rúben Ferreira no pódio final.

Iniciados

Iniciados

No campeonato de Iniciados, com 18 pilotos em prova, venceu Fábio Costa na frente de Afonso Gomes e Daniel Garcia. Costa ganhou ambas as mangas e assumiu o comando do campeonato nacional rumo à segunda etapa da época, que se realiza no próximo dia 24 de março no Granho, também na região do Ribatejo.

Clique aqui para ver as próximas datas do calendário do Campeonato Nacional de Motocross 2019

andardemoto.pt @ 13-3-2019 18:16:47

Galeria de fotos