Pré Moto3 - CNV - Kiko Maria teve azar no Estoril mas dilatou a vantagem a caminho do título

Uma queda frustrou as expectativas do jovem piloto vice-campeão nacional de PréMoto 3, mas ainda assim conseguiu amealhar mais 10 pontos, reforçando a liderança do campeonato.

andardemoto.pt @ 22-7-2019 16:01:23

No Estoril, no passado fim-de-semana de 20 e 21 de Julho, o jovem piloto do Moto Action Team seguia destacado na dianteira e já “só pensava em controlar a sua vantagem” quando teve o azar de cair. Mesmo fisicamente debilitado, Kiko Maria chegou ao fim da corrida e amealhou mais 10 pontos, reforçando a sua liderança do campeonato.

O percalço aconteceu quando o jovem piloto liderava, destacado, a quarta corrida da temporada, no circuito do Estoril, ficando assim impedido de repetir os triunfos registados nas primeiras três jornadas do Campeonato Nacional de Velocidade de 2019.

Mesmo assim, Kiko Maria conseguiu pontuar e reforçou a liderança, contabilizando agora 85 pontos.



Com o infortúnio do jovem do Moto Action Team, a vitória acabou por sorrir a um piloto da “categoria gémea” da PréMoto 3, a Supersport 300, o que aconteceu pela primeira vez este ano. Trata-se de Angel Dominguez, que se impôs a Vasco Esturrado, outro dos cinco representantes da Supersport 300 em pista.

“Kiko” Maia” caiu sobre o lado esquerdo quando seguia na frente, a meio da corrida e já depois de ter conseguido aproximar-se dos seus melhores registos no traçado do autódromo Fernanda Pires da Silva, com um cronómetro de 1m53,303s, e uma vantagem de cerca de 12s sobre o seu mais directo opositor, o espanhol Marco Diaz, agora 2º classificado no Nacional a 25 pontos do líder.
Apesar de condicionado por ferimentos na mão e no braço esquerdos, “Kiko” Maria “quis prosseguir”, apenas com a mão direita e sem mudanças, procurando “conquistar mais uns pontos” na luta pelo título. Assim rodou com a sua BeÓn/Yamaha 250 durante a segunda metade da corrida e acabou por terminar a prova em 6º lugar entre os pilotos de PréMoto 3.


“Nada fazia prever uma coisa daquelas... Ainda agora não consigo explicar. Não estava pressionado e já só pensava em encontrar o ritmo certo para controlar a corrida. Não tive sorte...”, declarou, depois de passar pelo hospital da prova, o jovem piloto Francisco “Kiko” Maria, mostrando-se “preocupado” com o “pouco tempo” de recuperação que tem para alinhar, no próximo fim de semana, na quarta prova do ESBK – Campeonato de Espanha Cetelem de Superbike, no circuito MotorLand, em Aragão.
“Os mecânicos da equipa Moto Action Team são super-profissionais e sei que vou ter uma máquina que me vai dar totais garantias. Só espero que também eu, fisicamente falando, esteja à altura, para poder dar o meu melhor”, acrescentou.
De positivo, o piloto apoiado pela Galp e pela Berner leva, como o próprio reconhece, “mais uma experiência e uma etapa nova no seu processo de aprendizagem, infelizmente com algumas consequências físicas”, bem como o facto de ter sido sempre, nos treinos e na corrida, o mais rápido dos 14 pilotos do pelotão PréMoto 3 e Supersport 300 em pista.
Nas restantes categorias e troféus do CNV, os vencedores foram João Curva (troféus ENI-TLC e Kawasaki ZCup), Tiago Cleto (Copa Dunlop Motoval), Nuno Ribeiro (85 GP/Moto 4 e MIR Moto 5) e Ivo Lopes (Superbike e Superstock 600).
O Nacional de Velocidade volta ao circuito do Estoril depois das férias, a 21 e 22 de Setembro, para a quinta e penúltima prova do calendário.
Clique aqui para ver as classificações completas

Kiko Maria a liderar a corrida

Kiko Maria a liderar a corrida

andardemoto.pt @ 22-7-2019 16:01:23