Tuono Cup 2020 oficialmente apresentada na Officina Moto

O mais recente troféu monomarca que ficará inserido no Campeonato Nacional de Velocidade foi apresentado oficialmente na Officina Moto, em Lisboa. Na casa do importador da Aprilia, Paulo Vicente revelou a primeira Tuono V4 1100 preparada para participar na Tuono Cup, para além de novas informações sobre este troféu com as powenakeds italianas.

andardemoto.pt @ 28-2-2020 18:06:32

Era um dos segredos menos secretos do mundo da competição em Portugal, e hoje ficámos oficialmente a conhecer todos os detalhes do novo troféu que promete dar muito que falar no Campeonato Nacional de Velocidade em 2020.

O troféu Tuono Cup já foi por nós abordado em diversas ocasiões aqui no Andar de Moto, onde inclusivamente já tínhamos confirmado que esta nova fórmula de competição se iria mesmo realizar este ano.

Mas foi preciso aguardar mais algum tempo para termos todos os detalhes. E foi precisamente na casa do importador nacional da Aprilia, a Officina Moto, em Lisboa, que fomos recebidos para o evento de apresentação oficial da Tuono Cup.

Com Paulo Vicente como promotor e “criador” desta Tuono Cup, e apesar de ser a face mais vísivel deste projeto que reune os esforços da Aprilia Portugal e Itália, com os diversos parceiros como a Fuchs Silkolene ou a AG Racing, entre outros, foi o responsável pela marca de Noale no nosso país que abriu as “hostilidades” perante a plateia que se reuniu na Officina Moto.

Miguel Vasconcelos não conseguiu esconder a felicidade por finalmente ver ser colocado em prático uma ideia que “Já tinha desde que assumi as minhas funções enquanto responsável pela Aprilia em Portugal, em 2015”.

Quanto a Paulo Vicente, experiente piloto e uma cara bem conhecida do paddock da velocidade em Portugal e apaixonado pelas corridas com motos do tipo naked, fez questão de destacar que “Pelo PVP da moto os participantes recebem a moto homologada para conduzir em estrada, mais todo o material, preparação e apoio durante toda a temporada da Tuono Cup! Inscrições, preparação da moto, apoio na pista, boxes partilhadas, e ainda teremos, possivelmente, uma corrida surpresa para juntar às seis corridas que fazem parte do calendário do Campeonato Nacional de Velocidade”.

Por um preço que ronda sensivelmente os 16.000 euros, os participantes vão poder competir em igualdades de circunstâncias em todas as corridas.

As motos serão as Aprilia Tuono V4 1100, na sua versão base. Recebem algumas modificações como sistema de escape da Ixil, específico para este modelo, diversas proteções para reduzir os danos em caso de queda, carenagens de pista, e, entre outros componentes como os poisa-pés ajustáveis, cada moto será equipada com uma centralina Race da Aprilia, que poderá permitir ao promotor da Tuono Cup encontrar mais alguns cavalos e binário, situação que ainda está em estudo, mas que será sempre igual para todos os inscritos.


Cada moto estará também equipada com os pneus Dunlop D212 slick, que terão de ser adquiridos ao fornecedor de pneus do CNV, a Motoval, mas que estarão disponíveis aos participantes da Tuono Cup a um preço bastante competitivo. O valor para o par de pneus ronda os 350,00€. Para a frente haverá um único composto à escolha, enquanto para a traseira haverá dois compostos. Adicionalmente, e em caso de chuva, a Tuono Cup permitirá o uso de pneus de chuva.

A escolha do tipo de pneus e compostos ficará a cargo de cada piloto.

Com seis participantes já confirmados, e sendo que o objetivo para este primeiro ano será de 12 a 15 participantes, o que permitiria que a Tuono Cup tivesse a pista só para si, Paulo Vicente reforça a vertente amadora desta competição.

Fazendo jus ao lema da Aprilia, “Be a racer”, Paulo Vicente pretende que a Tuono Cup seja uma competição virada para os pilotos amadores, que querem competir em pista, com toda a segurança, mas que até agora não tiveram essa disponibilidade pois o mundo da competição de motos obriga a um enorme esforço pessoal, quer em termos financeiros, quer em termos de disponibilidade de tempo e organização de cada corrida.

A Tuono Cup irá eliminar ao máximo todos os problemas que habitualmente associamos a competir de moto. O piloto apenas terá de aparecer no circuito e pilotar, deixando tudo o resto para a organização.

Por exemplo, e tendo em vista a habituação do piloto à moto e ao conhecimento que tem dela, o promotor do troféu entrega a cada inscrito um conjunto de indicações pre-definidas e que indicam as melhores combinações de parâmetros, particularmente ao nível da eletrónica aPRC, para que o piloto encontre facilmente a combinação com a qual se sentirá mais confortável.

As motos vão estar praticamente iguais entre si, inclusivamente ao nível das relações de transmissão. Nada, para além das afinações das suspensões ou eletrónica, poderá ser modificado pelo piloto. Assim, dependerá de cada um conseguir bater a concorrência e a diferença não será feita pelas motos e pelo material que têm.


Paulo Vicente também refere que para “descomplicar” e tornar mais seguro o troféu Tuono Cup, está em negociações com a Federação de Motociclismo de Portugal para idealizar um procedimento de partida diferente do habitual.

A principal diferença nos arranques da Tuono Cup será o tempo que os pilotos esperam nos seus lugares da grelha de partida. Em vez dos habituais 10 minutos, os pilotos têm apenas 30 segundos desde que terminam a volta de aquecimento, sendo que os semáforos apagam ao fim desses 30 segundos de espera na grelha de partida.

Um procedimento mais rápido e significativamente mais seguro para todos, pois eliminará a necessidade de levar as mantas de aquecimento de pneus para a grelha de partida.

E se isto não for ainda suficiente para lhe despertar a atenção, então fique também a saber que a Fuchs Silkolene irá disponibilizar para todos os participantes os lubrificantes necessários para o bom funcionamento das Aprilia Tuono V4 1100 ao longo de toda a temporada. Será menos um custo para cada participante!

Da parte do Andar de Moto saúdamos o aparecimento de mais esta fórmula para atraír pilotos amadores para as pistas. Com um preço por temporada tão apetecível, com condições de participação muito interessantes, e com tanto apoio a nível organizacional, participar na Tuono Cup será uma excelente forma de sentir toda a adrenalina de competir em moto.

Para mais informações clique aqui.

andardemoto.pt @ 28-2-2020 18:06:32

Galeria de fotos


Clique aqui para ver mais sobre: Desporto