MotoGP – Grande Prémio da Holanda não se realiza na data prevista

Direção do circuito de Assen TT anuncia que não poderá acolher a ronda holandesa do Mundial de Velocidade previsto para final de junho. O Grande Prémio da Holanda terá de ser adiado ou até cancelado.

andardemoto.pt @ 23-4-2020 18:11:30

A alteração do calendário de 2020 do Mundial de Velocidade tem sido uma constante desde o início da pandemia Covid-19, e a cada semana que passa vamos assistindo a novas alterações. Apesar dos governos europeus estarem a preparar o regresso à normalidade (dentro do possível), temos ainda de contar com muitas restrições nas nossas vidas e que impedem a realização de grandes eventos.

Por exemplo a Holanda, anunciou que irá manter a proibição de realização de grandes eventos que levam a ajuntamento de pessoas até 1 de setembro.

Com o Grande Prémio da Holanda marcado para 28 de junho, e devido a esta decisão do governo holandês, a direção do circuito Assen TT ficou sem possibilidade de garantir a realização deste grande prémio e anunciou no seu website a decisão de adiar ou até cancelar a edição de 2020 do GP da Holanda:

“Infelizmente, as recentes medidas governamentais significam que a 90ª edição do Assen TT terá de passar para o outono ou então para a próxima temporada. Estamos a discutir isto com a Dorna. Os bilhetes já comprados continuarão válidos. Claro que a deceção dentro da organização do Assen TT é grande, mas apesar disso, apoiamos totalmente esta decisão do governo. A saúde dos fãs e de todos os envolvidos é a nossa principal prioridade”.




Com este anúncio por parte do circuito holandês, a Dorna fica com mais uma dor de cabeça para resolver.

Sabemos que no próximo dia 27 de abril a organização espanhola irá falar com os responsáveis pelo circuito de Sachsenring por causa do Grande Prémio da Alemanha. Com data prevista para 21 de junho, mas com o governo alemão a adotar as mesmas medidas de restrição de eventos, será muito difícil que a Dorna consiga manter o GP da Alemanha na data prevista.

Há ainda que contar que em breve deveremos ter mais alterações ao calendário que já foi feito e refeito inúmeras vezes desde o início da temporada 2020.

Após o GP da Holanda, que agora se sabe que será adiado ou até cancelado, o paddock do Mundial de Velocidade teria de viajar até à Finlândia para visitar o novo circuito KymiRing. Mas o Grande Prémio da Finlândia, para além dos problemas com a realização de eventos, tem ainda outros problemas que impedem a sua realização.

As obras no circuito KymiRing não estão concluídas (estão paradas devido à pandemia), e o circuito não tem ainda a obrigatória homologação da FIM para realização de uma prova do Mundial de Velocidade. Com as restrições de viagens a impedirem a realização da verificação técnica para a homologação, o KymiRing ficará de fora do calendário.




Assim, o Grande Prémio da República Checa, em Brno, a 9 de agosto, começa a ser tido por todos como a ronda que marcará o recomeço do Mundial de Velocidade. Mas nem mesmo isso significa que os Grandes Prémios seguintes estão confirmados!

Por exemplo, o Grande Prémio da Áustria, no Red Bull Ring, está marcado para se realizar a 16 de agosto. No entanto o governo austríaco anunciou há dias que apesar de estar a reabrir os pequenos negócios para manter viva a economia, não dá autorização até final de agosto para a realização de grandes eventos como MotoGP.

Nos próximos dias a Dorna deverá anunciar oficialmente as novas alterações ao calendário do Mundial de Velocidade.

andardemoto.pt @ 23-4-2020 18:11:30


Clique aqui para ver mais sobre: Desporto