Circuito do Estoril preparado para o FIM CEV Repsol

Será a 7 de julho que o Circuito do Estoril será palco da primeira corrida com cariz mundial. O FIM CEV Repsol visita Portugal para a primeira corrida da temporada.

andardemoto.pt @ 3-7-2020 11:36:19

Portugal é, por estes dias, o país da Europa onde mais se “respira” motociclismo de competição. Depois do Campeonato Nacional de Velocidade ter sido o primeiro campeonato europeu a regressar à atividade no chamado período de “desconfinamento”, o Circuito do Estoril tem tudo preparado para receber pilotos e equipas do famoso FIM CEV Repsol.

Este será o primeiro campeonato de motociclismo com cariz mundial a regressar à atividade.

O FIM CEV Repsol, organizado pela Dorna, e que serve de último passo para muitos pilotos se mostrarem antes de entrar no Mundial de Velocidade, tem a sua primeira corrida já no próximo dia 7 de julho no circuito perto da Serra de Sintra.

O evento teve honras de apresentação à imprensa nacional na Casa das Histórias Paula Rego, onde marcaram presença o piloto Ivo Lopes, que venceu a corrida das Moto2 em 2018, surpreendendo tudo e todos, Manuel Marinheiro (presidente da FMP), António Lima do Motor Clube do Estoril, e ainda Frederico Nunes em representação da Câmara Municipal de Cascais.



Com as corridas a acontecerem à porta fechada, com o público impedido de aceder ao “paddock” ou às bancadas, serão cerca de uma centena de pilotos que vão lutar pelas vitórias nas categorias Moto2 e Talent Cup (campeonatos europeus) e ainda no Mundial Moto3 Junior.

A segurança em termos sanitários no concelho de Cascais foi um dos motivos que levou a Dorna a trazer o arranque do campeonato para o Circuito do Estoril, que mostrou igualmente um elevado nível de prevenção aquando da prova de abertura do Campeonato Nacional de Velocidade no início de junho.

A prova será transmitida não apenas para a Europa - em Portugal será a Sport TV a transmitir todas as corridas em direto – mas igualmente para todos os pontos do globo, seja através de estações de televisão ou via Youtube, desde sempre uma das apostas da Dorna que consegue levar o campeonato até 30 países e a mais de 800 mil espetadores através do Youtube, sem esquecer a forte implantação nas redes sociais, o que torna o campeonato verdadeiramente global.

andardemoto.pt @ 3-7-2020 11:36:19


Clique aqui para ver mais sobre: Desporto