SBK – Rea com o melhor tempo dos dois dias de teste em Montmeló

Cinco vezes campeão do mundo de Superbike levou a sua Kawasaki até ao topo da tabela de tempos dos dois dias de testes no circuito de Montmeló. Jonathan Rea chegou mesmo a bater o recorde da volta em corrida das MotoGP!

andardemoto.pt @ 9-7-2020 19:38:44

Grande parte dos pilotos e equipas do Mundial Superbike não desperdiçaram a oportunidade de rodar no circuito de Montmeló, perto de Barcelona. Foram dois dias de teste que serviram para voltar a entrar no ritmo e para encontrar as melhores afinações, pois o regresso do Mundial Superbike à ação está marcado para breve.

Quanto aos protagonistas destes dias de teste, o primeiro a mostrar-se foi Scott Redding. O britânico da Aruba.it Ducati foi o mais rápido no primeiro dia, relegando Jonathan Rea para a segunda posição.

No entanto, no segundo dia, o cinco vezes campeão mundial de Superbike, levou a sua Kawasaki Ninja ZX-10RR até ao topo da tabela de tempos. E Rea não fez por menos: bateu o recorde da melhor volta em corrida de uma MotoGP!



Aproveitando as temperaturas mais frescas durante a sessão matinal, e com a Kawasaki #1 equipada com os Pirelli de corrida em composto mole, Jonathan Rea surpreendeu tudo e todos com o tempo de 1m40.450s. O recorde de MotoGP, em corrida, está na posse de Marc Marquez (Repsol Honda), obtido em 2019, quando Marquez registou uma volta a Montmeló em 1m40.507s.

Esta é mais uma acha para a fogueira e que anima as muitas discussões sobre se realmente existem tantas diferenças assim entre um protótipo de MotoGP e uma Superbike, moto baseada em modelos de produção.

No entanto devemos sempre ter em conta que, enquanto Jonathan Rea consegue fazer este tempo fantástico por uma vez, Marc Marquez ficará muito perto do seu melhor registo muitas vezes durante a corrida de MotoGP.

Se tivermos em conta o recorde absoluto de Montmeló, em MotoGP esse registo está na posse de Jorge Lorenzo, quando competia pela Ducati, com uma volta em 1m38.680s.



Não deixa no entanto de ser um excelente tempo de Jonathan Rea, e um indicador de que o campeão em título está pronto para enfrentar os rivais. Entre eles será Scott Redding o mais forte, com o piloto da Ducati a ser o segundo mais rápido dos testes de Superbike, a pouco mais de uma décima e meia de Rea.

Quem também se mostrou em bom plano foi Tom Sykes. O antigo campeão encontra-se sob pressão para mostrar à BMW Motorrad World SBK que tem o que é preciso para continuar como piloto da equipa oficial da marca alemã em 2021.

A BMW Motorrad já assegurou a contratação de Michael van der Mark à PATA Yamaha, e o terceiro melhor tempo dos testes do Mundial Superbike é um bom passo para convencer a equipa.


De realçar ainda que Redding sofreu problemas técnicos na sua Panigale V4 R, que o deixaram parado em pista. Por outro lado, a Honda Team HRC realizou uma reunião por teleconferência entre os pilotos Leon Haslam e Alvaro Bautista com os engenheiros de eletrónica japoneses, que estão no Japão devido ao vírus Covid-19.

Os dois pilotos não rodaram durante a sessão da manhã, e só depois das 14 horas locais é que entraram em pista. Haslam ficou a 1,7 segundos, e pior ainda ficou Bautista que fecha estes testes a 2,8 segundos do mais rápido.

Recordamos que o Mundial Superbike estará de regresso às corridas com a realização da segunda ronda da temporada. Será no circuito de Jerez, de 31 de julho a 2 de agosto, logo após as duas corridas do Mundial de Velocidade nesse mesmo circuito.

andardemoto.pt @ 9-7-2020 19:38:44


Clique aqui para ver mais sobre: Desporto