Erik Buel está de volta com a nova marca Fuell

Depois de alguns anos desaparecido dos nossos radares, Erik Buell volta a surpreender e a reinventar-se com a sua nova marca de motos Fuell, que apresentou duas opções elétricas: a Flow e a Fluid.

andardemoto.pt @ 7-3-2019 10:54:10

Conhecido por ter criado algumas das motos mais irreverentes da última década e meia, Erik Buell tem sabido reinventar-se cada vez que as suas ideias “batem na parede”. A mais recente aventura de Buell, é uma parceria com a Vanguard Motorcycles e a Spark Racing, que inicialmente se chamou de VanguardSpark mas agora renomeou-se como Fuell, uma clara ligação a Erik Buell.

Desde o primeiro momento que a agora conhecida como Fuell se manifestou como defensora da mobilidade elétrica, e o resultado da pesquisa feita ao longo do último ano acaba de dar os seus primeiros dois frutos: a Flow e a Fluid.

A Fuell ainda não revelou grandes dados destas duas opções elétricas de duas rodas, mas as primeiras informações não deixam de ser interessantes e deixar-nos de água na boca para o que aí vem quando a Fuell finalmente começar a comercialização destes dois modelos.


A proposta mais interessante é a Flow, uma moto elétrica cujo design se assemelha às carismáticas Buell a combustão, que em tempos levaram Erik Buell ao reconhecimento mundial. Um design minimalista e musculado, a Flow conta com um motor de 35 kW (47 cv) na sua variante mais potente, sendo que estará também disponível numa versão limitada a 11 kW (15 cv), o que a tornará muito apelativa para os mercados europeus, incluíndo, claro, Portugal.

De referir que o motor da Fuell Flow está instalado na roda traseira, enquanto os fãs de Erik Buell irão de certeza notar que esta moto abandona uma das características mais interessantes das antigas Buell, ou seja, o travão dianteiro deixa de ser um disco perimétrico e passa a ser um disco convencional.

Se a Flow é uma moto elétrica, a Fluid é a proposta que a Fuell encontrou para quem procura uma forma simples de se deslocar nos meios urbanos. Em parte bicicleta, com pedais incluídos, e em parte moto elétrica devido ao motor que permite à Fluid atingir uma velocidade máxima de até 45 km/h no caso da versão mais poderosa S-Pedlec, esta bicicleta elétrica tem ainda um binário de 100 Nm!


A melhor parte destas duas propostas amigas do ambiente é que a Fuell confirma que será possível ao proprietário atualizar as baterias, motor e carregadores, uma boa ideia tendo em conta que o proprietário poderá, assim, ir atualizando a sua Fluid or Flow sem ter necessidade de adquirir uma nova.

Quanto a preços, a Fuell revela que a Fluid custará 3.295 dólares americanos, cerca de 2900 euros, enquanto a moto elétrica Flow será comercializada por 10.995 dólares americanos, ficando por isso ligeiramente abaixo da marca dos 10.000 euros à taxa de câmbio atual.

Tendo em conta a pouca quantidade de detalhes e informações divulgadas até ao momento pela Fuell, acreditamos que nos próximos meses serão divulgados novas informações sobre estas duas propostas, mesmo a tempo do Salão de Milão EICMA.

Galeria de fotos das Fuell Flow e Fluid

andardemoto.pt @ 7-3-2019 10:54:10