Kawasaki regista patente de um conceito verdadeiramente radical

Será que numa moto as rodas têm de inclinar da mesma forma que a moto em si? A Kawasaki está a pensar num conceito radical onde as rodas inclinam de forma diferente do resto da moto, e a marca japonesa já registou a patente deste conceito.

andardemoto.pt @ 23-9-2019 18:49:56

Ao olhar para as imagens que acompanham este artigo o caro leitor pode ser levado a pensar que alguma coisa nesta moto está partida. Como é que a moto inclina para um lado e as rodas para o outro? Tem de existir alguma coisa partida! Ou então, na realidade, talvez esteja tudo a funcionar bem e de acordo com o que a Kawasaki pretende.

A casa de Akashi registou um novo conjunto de patentes que mostram uma moto que inclina para um lado enquanto as rodas inclinam para o outro.

Ao contrário de uma moto convencional, em que temos o guiador ou avanços que giram sobre rolamentos num eixo quase vertical, no caso do conceito da Kawasaki agora descoberto em patentes, o guiador, uma peça em forma de U invertido, está fixo diretamente ao corpo da moto e não gira.


O sistema da Kawasaki permite que as rodas basculem de uma forma independente no seu eixo vertical em relação à moto, que assim consegue curvar sem que a direção se mexa.

Esta moto da Kawasaki será elétrica, com os motores a ficarem inseridos nos cubos das rodas. De outra forma não seria possível sequer idealizar este conceito tão radical, pois com uma transmissão final por corrente, por correia, ou por veio de transmissão, não seria possível usar este sistema basculante independente na roda traseira.

De momento este não passa de um conceito que a Kawasaki está a estudar, e embora não se preveja a sua aplicação no mundo real, pelo menos a curto ou médio prazo, a realidade é que a Kawasaki está a pensar nestes sistema e registou a patente.

andardemoto.pt @ 23-9-2019 18:49:56