EICMA 2019 – Triumph Bobber TFC

Para 2020 a Bobber recebe o tratamento Triumph Factory Custom. A nova Bobber TFC é o terceiro modelo a entrar neste exclusivo projeto da Triumph. Apenas 750 serão produzidas.

andardemoto.pt @ 5-11-2019 13:58:54

Ao terceiro ano de existência, a Triumph Bobber vai integrar o programa especial de fabrico de versões limitadas e exóticas denominado Triumph Factory Custom (TFC). Revelada no Salão de Milão EICMA 2019, a nova Bobber TFC, tal como os modelos TFC que a antecederam, será produzida em quantidades extremamente limitadas para todo o mundo.

De acordo com a Triumph, a fábrica de Hinkcley apenas irá produzir 750 exemplares da Bobber TFC, motos que serão entregues aos proprietários ostentanto uma placa numerada e com um “pack” de boas-vindas Bobber TFC.

Este pacote de boas-vindas da Bobber TFC inclui uma carta assinada pelo CEO da Triumph, Nick Bloor, um livro personalizado da construção da moto, uma capa para a proteger do pó, uma carteira para os documentos TFC, e ainda uma mochila em pele também com os emblemas TFC.

O motor bicilíndrico da Bobber TFC alcança uma potência que é 10 cv superior à das Bobber e Bobber Black. O motor 1200 cc High Torque recebeu importantes alterações aos componentes internos. Por exemplo a cambota, embraiagem, veios de equilíbrio, alternador, tampa das cames, coletores de escape e ainda as tampas do motor são mais leves.

Em resultado destas alterações o binário também sobe para os 110 Nm, enquanto o limite de rotações do motor HT 1200 sobe 500 rpm pelo que o limitador está agora nas 7500 rpm.

Para criar uma ligação ainda mais emocional quando conduzimos a nova Bobber TFC, a Triumph recorreu à Arrow para criar um conjunto de escapes que vinca ainda mais o caráter desta moto. Assim, as ponteiras desta versão tão especial são fabricadas em titânio e as pontas são em fibra de carbono. Isto resulta numa sonoridade viciante e rouca.


Numa moto tão especial fica claro que a Triumph pretendeu também melhorar a performance dinâmica da versão TFC em relação às “normais” Bobber e Bobber Black. Assim, e através da utilização de materiais mais leves, a Bobber TFC apresenta um peso a cheio 5 kg inferior às versões Bobber e Bobber Black.

A Triumph ainda não divulgou os números finais de peso e altura do assento, pelo que teremos de esperar até janeiro de 2020 para ficarmos a conhecer todos os detalhes técnicos desta novidade britânica.

As suspensões, como seria de esperar, são também “premium”. Desta feita a Triumph recorreu aos especialistas da Öhlins para fornecer as suspensões para ambos os eixos, sendo a forquilha como o amortecedor traseiro totalmente ajustáveis.

Na travagem encontramos instalados dois discos Brembo que são mordidos por pinças M50 monobloco, também com assinatura Brembo, enquanto a bomba de travão principal é a MCS também da marca italiana especializada em travagem.

Na Triumph Bobber TFC a marca britânica decidiu aumentar as opções eletrónicas. Por exemplo, temos agora três modos de condução – Rain, Road e Sport (novo) – e que ajustam automaticamente os parâmetros de resposta do acelerador eletrónico “ride-by-wire” e do controlo de tração, sem esquecer os do obrigatório ABS.

Os acabamentos desta edição limitada elevam esta Bobber para um outro nível dentro do segmento.

O “corpo” desta britânica é fabricado em fibra de carbono, incluindo os painéis laterais que recebem o emblema TFC. O guarda-lamas frontal e respetivos suportes são também em fibra de carbono, com um desenho minimalista para não estragar a silhueta bobber.


A utilização de componentes “premium” continua com a aplicação de mesas de direção em alumínio maquinado, assento ajustável em pele verdadeira, uma traseira minimalista e ainda uma tampa de depósito de óleo em alumínio maquinado.

As jantes da raios contam com um acabamento em preto anodizado, a mola e forquilha Öhlins está pintadas de preto, a mesma cor que depois foi utilizada para cobrir tampas do motor, quadro e ainda o braço oscilante. A pintura Carbon Black e Matt Carbon Black é complementada pela “Union Jack” nos apoios para os joelhos, enquanto detalhes em dourado são usados um pouco por toda a Bobber TFC para dar um toque “premium” e ainda mais exclusivo.

Este é o terceiro modelo Triumph a ser incluído no programa Triumph Factory Custom. A marca sediada em Hinckley promete que, e dado o sucesso desta estratégia, em breve teremos mais modelos da gama a receberem este tratamento tão especial.

De momento a Triumph ainda não confirmou quando é que a nova Bobber TFC estará disponível nos concessionário, e também falta confirmar o preço, que certamente será mais elevado do que as Bobber e Bobber Black.

Galeria Triumph Bobber TFC

andardemoto.pt @ 5-11-2019 13:58:54


Clique aqui para ver mais sobre: MotoNews