Aprilia Tuareg 660 – As primeiras imagens da proposta off-road de Noale

A marca italiana divulgou as primeiras imagens da sua proposta para off-road. A nova Aprilia Tuareg 660 promete aventura sem limites com eletrónica adaptada a uma utilização extrema nos pisos de terra.

andardemoto.pt @ 2-8-2021 13:29:55

A casa italiana com sede em Noale revelou finalmente as primeiras imagens da sua proposta para off-road, a tão badalada Tuareg 660. Uma moto que eleva para três o número de modelos baseados na bem-sucedida plataforma 660 que foi lançada no final do ano passado.

O nome Tuareg não é totalmente desconhecido, quer para os fãs da marca, quer para a própria marca. Foi em 1985 que a Aprilia lançou a primeira Tuareg, moto que replicava os modelos usados pelos pilotos no famoso Paris-Dakar. Agora, em 2021, a Tuareg 660 abre novamente as portas do “off-road” para a Aprilia.

Apesar de basear-se na plataforma 660, a nova Tuareg 660 afasta-se bastante do conceito apresentado pela desportiva RS 660 e pela naked Tuono 660, ambas testadas pelo Andar de Moto, e ambas a merecerem nota muito positiva nas nossas análises. Porém, e porque tem de enfrentar cenários mais extremos fora de estrada, a Aprilia Tuareg 660 dá uso a componentes específicos e nem mesmo o motor bicilíndrico paralelo se mantém igual.


O motor, precisamente, vê a potência descer para os 80 cv, menos do que os 100 cv da RS e os 95 cv da Tuono. O binário máximo é de 70 Nm. Os engenheiros da marca conseguiram trabalhar a injeção e os parâmetros eletrónicos de gestão do motor de forma a dotar a Tuareg 660 de uma resposta mais contundente nos baixos e médios regimes, em comparação com as suas irmãs. O resultado será uma moto mais divertida e mais apta a ser desfrutada fora de estrada.

A estrutura que fixa o motor dois cilindros foi totalmente criada em exclusivo para a nova Tuareg 660. A Aprilia regressa às bases e opta por usar um quadro tubular em aço, que permite fixar o motor em seis apoios. Juntamente com as placas laterais de reforço, este quadro e sub-quadro tubular garantem a flexibilidade para permitir que o condutor sinta o que o conjunto está a fazer em condução mais agressiva, mas também a resistência estrutural para evitar problemas quando a Tuareg 660 for abusada fora de estrada.



O design da Aprilia Tuareg 660 também se afasta do que vemos habitualmente nos modelos da casa de Noale. Ao contrário da RS e da Tuono, a trail de aventura de média cilindrada opta por uma ótica tripla, mas com um design específico, mantendo luzes diurnas em LED e iluminação “full LED”.

No frontal elevado, ao melhor estilo das motos de competição do Dakar, a Aprilia Tuareg 660 esconde um painel de instrumentos TFT de 5 polegadas, recheado de informação, a cores, e que apresenta os diversos modos de condução que o condutor por selecionar através dos novos comutadores no punho esquerdo.

Ao todo serão quatro modos de condução, dois deles personalizáveis, e com o APRC da Aprilia a fazer a gestão das ajudas à condução como controlo de tração, potência do motor, efeito travão-motor, ou mesmo definir o nível de intervenção do ABS que pode inclusivamente atuar apenas sobre a roda dianteira facilitando a condução fora de estrada.


Com os eixos das jantes de 21 e 18 polegadas separadas por cerca de 1500 mm, a Tuareg 660 está apoiada numa forquilha dianteira com bainhas de 43 mm, e o curso da roda será bastante longo, chegando aos 240 mm.

Com 187 kg, um depósito de 18 litros de capacidade e ainda pneus adaptados para o “off-road”, a nova Aprilia Tuareg 660 deverá estar disponível nos concessionários, decorada com o clássico tema tricolor, ainda antes do final do ano.

Quanto a preço, a Aprilia Portugal ainda não nos revelou qualquer informação que permita ficar com uma ideia de qual será o posicionamento da marca para a Tuareg 660, tendo em conta que o segmento trail de média cilindrada conta com diversas propostas a preço bastante competitivo.

Veja abaixo o video de apresentação e mais imagens


Galeria de fotos Aprilia Tuareg 660

andardemoto.pt @ 2-8-2021 13:29:55


Clique aqui para ver mais sobre: MotoNews