O TRIUMPH TRIPLE TROPHY 2022 já começou!

Nesta que é a terceira edição do troféu da marca britânica o sistema de pontuação foi renovado para promover ainda mais a competitividade entre os pilotos da categoria de Moto2.

andardemoto.pt @ 11-3-2022 02:19:03

A realização do Grande Prémio do Qatar, prova inaugural da temporada 2022.foi o arranque de mais uma edição do ‘Triumph Triple Trophy’, troféu que agora se desenrola com um novo sistema de pontuação.

No final do ano, o piloto vencedor levará para casa uma personalizada Triumph Street Triple RS , a moto de série dotada com o motor a partir do qual derivam os de competição que equipam toda a grelha de Moto2.

O sistema de pontuação foi redesenhado para reflectir a incrível competitividade da categoria. Nas duas edições anteriores, o Troféu acabou nas mãos do Campeão do Mundo, de modo que as mudanças introduzidas em 2022 vão no sentido de equilibrar e aprofundar o objectivo de premiar as exibições mais destacadas ao longo do fim de semana.

Na corrida inaugural no Circuito Internacional de Losail, foi o piloto da equipa MooneyVR46 Racing Team, Celestino Vietti, quem assumiu a liderança do ‘Triumph TripleTrophy’, conquistando um total de 11 pontos, que correspondem aos 6 pontos da ‘pole’ e aos 5 da volta mais rápida na corrida. 

Romano Fenati é segundo classificado, com 7 pontos, graças à sua fantástica recuperação, depois de uma qualificação complicada, que o levou da 26a posição na grelha até ao 15o posto final: 11 lugares recuperados!

Nas duas edições anteriores do ‘Triumph Triple Trophy’ os vencedores foram Marco Bezzecchi, em 2020, e Raúl Fernandez, em 2021; dois dos pilotos que melhor aproveitaram a sua passagem pelo Moto2 para darem o salto para MotoGP.


A nova estrutura de pontuação, válida para a temporada de 2022, é a seguinte:


Melhor progressão em corrida: 7 pontos para o piloto (ou pilotos, em caso de empate) que mais posições ganhe durante a prova.

Pole position: 6 pontos para o piloto que arranque da melhor posição da grelha.

Volta Mais Rápida: 5 pontos para o piloto mais rápido em prova.

Steve Sargent, Chefe de Produto da Triumph: “De modo a evidenciar a proximidade e a intensidade das corridas, o sistema de pontuação do Triumph Triple Trophy mudou este ano, pois queremos recompensar o piloto que consegue a melhor progressão desde a qualificação até à bandeira de xadrez.
Este sistema colocará em evidência algumas das grandes actuações de pilotos que não são necessariamente considerados pilotos do grupo da frente e mostrará a competitiva que é a categoria de Moto2 para toda a grelha.


Carlos Ezpeleta, Director Geral da DORNA Sports: “O Triumph Triple Trophy é umaexcelente forma de recompensar os pilotos que tenham um domingo de corridasimpressionante, e a Street Triple RS é um prémio impressionante.
Não podíamos esta r
mais contentes com a evolução que a categoria Moto2 tem conhecido nas últimas temporadas e com a forma como a Triumph a tem impulsionado. Esperamos que haja muito mais temporadas de corridas de grande nível com a Triumph!

andardemoto.pt @ 11-3-2022 02:19:03


Clique aqui para ver mais sobre: MotoNews