Empresa-mãe da KTM assume liderança da MV Agusta

Numa jogada histórica que marca o início de um novo capítulo na sua história, a MV Agusta anuncia mudanças significativas na sua estrutura de liderança com mão forte do Grupo Pierer Mobility.

andardemoto.pt @ 28-3-2024 15:43:58

A PIERER Mobility AG, empresa-mãe da KTM, Husqvarna e GasGas, aumentou a sua participação na MV Agusta, o que concedeu à empresa austríaca uma posição maioritária de 50,1% no fabricante italiano com sede em Schiranna (Varese). 

Este aumento representa uma antecipação da primeira fase do investimento de 25,1% que a Pierer AG fez na MV Agusta em novembro de 2022. Naquela altura, estava previsto que a subsidiária da PIERER Mobility, a KTM AG, provavelmente assumisse uma posição maioritária no início de 2026. 

Esta opção de compra seria baseada nas demonstrações financeiras anuais da MV Agusta Motor S.p.A. até 31 de dezembro de 2025. No entanto, essa opção foi agora exercida prematuramente, com um preço de compra adicional de 25% provocado pelos bons resultados da MV Agusta até o final de 2025, com base no método de avaliação múltipla do EBITDA acordado. 


Entretanto, a PIERER Mobility já tinha assumido o controlo da cadeia de abastecimento e compras da MV Agusta em outubro de 2023. Além disso, a gama de produtos da MV Agusta também passou a ser distribuída, em parte, através da rede de vendas global da PIERER Mobility

O exercício prematuro da opção de compra significa que a KTM AG/PIERER Mobility AG assumirá imediatamente a maioria das ações e a gestão industrial da MV Agusta Motor S.p.A. 

A médio prazo, está planeada uma produção anual de mais de 10.000 motos premium MV Agusta, em Varese. 

Hubert Trunkenpolz, membro do conselho executivo da PIERER Mobility AG, assume o cargo de CEO e presidente do conselho de administração de Timur Sardarov, que continuará disponível para a empresa como vice-presidente, embaixador da marca e consultor. Timur Sardarov anunciou a notícia como a "conclusão bem-sucedida do plano de cinco anos para revitalizar" a MV Agusta.


A empresa afirmou que "o seu objetivo de fortalecer a histórica marca italiana foi completamente cumprido, resultando em estabilidade e avanço substancial para o ícone 'Made in Italy'”. 

A empresa declarou ainda que “o foco na qualidade e fiabilidade resultou na consolidação da reputação e credibilidade da MV Agusta entre uma base de clientes global em crescimento.” Como resultado, a empresa está agora no caminho certo para alcançar lucro líquido pela primeira vez em muitos anos. 

Em 2023, a MV Agusta introduziu cinco novos modelos e todas as séries limitadas foram vendidas em poucas horas após o lançamento. Além disso, foi estabelecida uma nova rede de concessionários, reforçando ainda mais a identidade da marca. 


"Com esta jogada, o grupo austríaco reafirma o seu interesse e compromisso com a marca MV Agusta, considerando os fortes resultados alcançados nos últimos anos sob a orientação da família Sardarov, que manterá o controlo conjunto e uma participação de 49,9% na empresa".

Sob esta nova liderança, a MV Agusta embarca numa jornada ambiciosa, focada na inovação, expansão de mercado e no fortalecimento do seu legado como fabricante italiana de motos. 

andardemoto.pt @ 28-3-2024 15:43:58


Clique aqui para ver mais sobre: MotoNews