MotoGP – Sabe qual foi o piloto que caiu mais vezes em 2020?

Depois de 14 Grandes Prémios eis a lista completa de quedas nas três categorias do Mundial de Velocidade. Será que você consegue adivinhar qual foi o piloto que caiu mais vezes em 2020? E quantas caiu o português Miguel Oliveira?

andardemoto.pt @ 28-11-2020 08:00:00

Agora que terminou a temporada 2020 do Mundial de Velocidade, já podemos fazer uma contabilidade bem especial. Embora os pilotos tentem por todos os meios e com o seu talento evitar cair, e com isso não receberem a “honra” de ser o piloto com mais quedas, a verdade é que no mundo da alta competição em duas rodas as quedas são inevitáveis.

A Dorna divulgou agora a lista de quedas sofridas pelos pilotos de MotoGP, Moto2 e ainda Moto3. E este ano temos um repetente!

Johann Zarco, piloto da Esponsorama Avintia Ducati, leva para casa e pelo segundo ano consecutivo o “título” de piloto que mais quedas sofreu durante a temporada. Envolvido em diversos incidentes ao longo da temporada, Zarco sofreu um total de 15 quedas nos 14 Grandes Prémios realizados em 2020.

De referir que em 2019, temporada em que competiu pela KTM e depois pela Honda, Zarco também foi o piloto com mais quedas, então com 17 quedas. No entanto em 2019 os pilotos de MotoGP participaram em mais corridas do que nesta atípica temporada que agora terminou, onde apenas se realizaram 14 corridas da categoria rainha.


Alex Marquez (Repsol Honda) foi o segundo piloto com mais quedas registadas, 14. Podemos considerar este resultado normal tendo em conta que o mais novo piloto do clã Marquez estreou-se esta temporada em MotoGP, e logo a ter de se adaptar a uma moto, a Honda RC213V, que se tem mostrado difícil de pilotar para todos os pilotos à exceção de Marc Marquez.

Aliás, o oito vezes campeão do mundo, apesar de só ter participado no Grande Prémio de Espanha, tem duas quedas em 2020, uma delas durante a corrida e que lhe causou enormes danos no seu braço direito que o impediram depois de completar a temporada, estando ainda em dúvida a sua participação na temporada 2021 de MotoGP.

O pódio de pilotos com mais quedas em MotoGP fica completo com a presença de Aleix Espargaró. O piloto de Granollers afirmou durante a temporada, quando lhe perguntaram para analisar a Aprilia RS-GP, que tinha de pilotar a moto italiana no limite, arriscando mais em curva, para conseguir compensar dessa forma a falta de potência e velocidade da Aprilia nas retas. E quando se arrisca mais em curva, mais probabilidade há de se cair. Aleix Espargaró fechou a temporada com 12 quedas.



E quantas quedas sofreu o português Miguel Oliveira ao longo de uma temporada tão curta de MotoGP?

O piloto português da Red Bull KTM Tech3 é conhecido pela sua consistência e por conseguir pilotar entre os melhores sem sofrer quedas. Miguel Oliveira está na 7ª posição desta lista, uma posição que reparte com Francesco Bagnaia, Jack Miller, Fabio Quartararo e ainda Alex Rins. O português caiu 8 vezes este ano.

Leia também – MotoGP: Miguel Oliveira fechou com chave de ouro uma década ao mais alto nível

O campeão de MotoGP, Joan Mir (Ecstar Suzuki) mostrou-se bastante rápido ao longo da temporada. Mas nem por isso rodou acima do limite da aderência dos pneus slick Michelin! Mir caiu apenas 5 vezes. Melhor que o campeão, e falando apenas de pilotos que cumpriram os 14 Grandes Prémios, encontramos apenas Andrea Dovizioso e Maverick Viñales, ambos com 4 quedas.

Lista de total de quedas dos pilotos de MotoGP em 2020

Johann Zarco, Ducati: 15
Alex Márquez, Honda: 14
Aleix Espargaró, Aprilia: 12
Iker Lecuona, KTM: 11
Brad Binder, KTM: 10
Pol Espargaró, KTM: 10
Bradley Smith, Aprilia: 10
Takaaki Nakagami, Honda: 9
Francesco Bagnaia, Ducati: 8
Jack Miller, Ducati: 8
Miguel Oliveira, KTM: 8
Fabio Quartararo, Yamaha: 8
Alex Rins, Suzuki: 8
Stefan Bradl, Honda: 7
Tito Rabat, Ducati: 7
Valentino Rossi, Yamaha: 6
Cal Crutchlow, Honda: 5
Joan Mir, Suzuki: 5
Franco Morbidelli, Yamaha: 5
Andrea Dovizioso, Ducati: 4
Maverick Viñales, Yamaha: 4
Marc Márquez, Honda: 2
Danilo Petrucci, Ducati: 2
Lorenzo Savadori, Aprilia: 2
Mika Kallio, KTM: 0
Michele Pirro, Ducati: 0



Dos pilotos “full time” o melhor de todos em 2020 foi... Danilo Petrucci! O piloto de Terni e que se despediu da equipa de fábrica da Ducati este ano, caiu apenas 2 vezes! Um registo impressionante para o italiano que em 2021 estará aos comandos da moto que esta temporada pertenceu a Miguel Oliveira e que conquistou duas vitórias.

Nas restantes categorias do Mundial de Velocidade, em Moto2 foi Kasma Daniel que caiu mais com um total de 20 quedas, enquanto nas pequenas Moto3 a honra ficou para Gabriel Rodrigo que caiu 18 vezes. Nestas categorias cumpriram-se 15 Grandes Prémios.

Numa temporada tão curta em comparação com o outras temporada anteriores, o total de quedas nas três categorias foi de 722 quedas. Uma redução drástica do número de quedas total que em 2019 foi de 971 quedas, e que não se poderá explicar apenas pelo menor número de corridas realizadas este ano, pois na realidade os pilotos até foram obrigados a arriscar mais para assegurar pontos preciosos para a luta pelo título.

Em MotoGP o total de quedas foi de 180 – média de 12,8 quedas por fim de semana –, em Moto2 foi de 292 quedas – média de 19,4 quedas por fim de semana –, enquanto nas mais pequenas Moto3 tivemos 250 quedas – média de 16,6 quedas por fim de semana.

andardemoto.pt @ 28-11-2020 08:00:00


Clique aqui para ver mais sobre: MotoGP