MotoGP – Marc Márquez recebe o OK médico para intensificar treinos. Regresso à vista?

O piloto espanhol foi novamente examinado pela equipa médica responsável pela terceira operação ao seu braço direito. Marc Márquez finalmente recebe o OK dos médicos e pode a partir de agora intensificar os seus treinos tendo em vista o regresso à competição.

andardemoto.pt @ 12-3-2021 10:26:08

Para Marc Márquez o fim do seu calvário de quase um ano está cada vez mais perto. O piloto espanhol, 14 semanas após aquela que foi a terceira operação ao seu braço direito, foi novamente examinado pela equipa médica que o tem acompanhado desde esse momento.

Os resultados dos exames permitiram aos médicos dar o “OK” para que o piloto da Repsol Honda intensifique os seus treinos com o intuito de poder regressar à competição o mais rápido possível.

Convém não esquecer que o oito vezes campeão do mundo está inscrito para participar no Grande Prémio do Qatar, a 28 de março! Mas será que Marc Márquez vai mesmo arriscar o regresso na primeira corrida do ano?



Pouco mais de três meses depois da operação que teve como objetivo consolidar o osso do úmero e que foi afetado por uma infeção óssea, Marc Márquez tem vindo a deixar nas suas redes sociais sinais de esperança num regresso mais rápido do que aquele que inicialmente estava previsto.

Embora em cada intervenção pública o piloto de Cervera avise sempre que só regressa quando estiver a 100% da sua condição – inclusivamente nem arriscou pilotar a Honda RC213V durante a apresentação da equipa Repsol Honda há pouco mais de duas semanas –, a verdade é que as suas publicações a treinar com pesos com o braço direito deixam antever que o seu osso está consolidado, e que agora o piloto espanhol, juntamente com o seu fisioterapeuta e treinador pessoal, está concentrado em recuperar o músculo que perdeu e também a mobilidade.



Nesta mais recente revisão a Marc Márquez, a equipa médica liderada pelos doutores Samuel Antuña e Ignacio Roger de Oña constataram “clínica e radiologicamente uma progressão satisfatória da consolidação óssea. A partir deste momento está autorizado a intensificar o programa de recuperação de força e mobilidade tendo em vista o regresso progressivo a pilotar uma moto de forma competitiva”.

Com o regresso à vista para Marc Márquez, todas as atenções estão agora centradas na data e corrida que o antigo campeão de MotoGP vai definir como sendo o momento ideal para o seu regresso: Quando é que Marc Márquez volta a competir em MotoGP?


A Repsol Honda tem ainda a possibilidade de utilizar Stefan Bradl, o seu piloto de testes na categoria rainha, durante três Grandes Prémios.

O nosso jornalista Bruno Gomes já tinha antecipado este cenário há algumas semanas, prevendo que Bradl poderá competir pelo menos nas duas primeiras corridas do ano, no Qatar, e possivelmente até na terceira corrida, em Portugal, caso Márquez ainda não esteja a 100%.

A partir daí a Honda já não poderia usar Stefan Bradl em mais corridas ao longo da temporada, pois as regras aprovadas para 2021 impedem os pilotos de testes de competir em mais do que três corridas, impedindo assim a situação que se verificou na temporada passada quando o alemão entrou para o lugar do lesionado Marc Márquez, e impedindo também que os pilotos de testes possam testar com as MotoGP na pré-temporada e depois competir livremente ao longo do ano, tirando daí benefícios.

andardemoto.pt @ 12-3-2021 10:26:08


Clique aqui para ver mais sobre: MotoGP