Teste CFMOTO CFORCE 450 / CFORCE 520 - Alegria no trabalho

A CFMoto escolheu o fantástico cenário das imediações de Marselha para fazer a apresentação europeia dos seus novos ATV CFORCE 450 e 520.

andardemoto.pt @ 13-7-2022 03:42:59 - Texto: Rogério Carmo

Os novos ATV CFORCE 450 e 520 e respectivas versões L são modelos renovados para 2023, destinados a cimentar a sua liderança de mercado neste segmento, apresentando melhorias substanciais relativamente às respectivas versões anteriores.

Mais leves, apesar do chassis reforçado que proporciona uma maior capacidade de carga,têm um depósito de combustível com maior capacidade, uma suspensão com maior curso que confere mais conforto, uma capacidade de carga aumentada e, não menos importante, um raio de viragem reduzido que permite manobrar mais facilmente nos locais mais estreitos e de difícil acesso, apesar de ambas as versões manterem a mesma distância entre eixos.

Em termos ergonómicos estes CFORCE contam com assento mais confortável além de o guiador estar agora mais perto do condutor e o pedal do travão, que acciona a travagem combinada, ter sido colocado mais baixo, permitindo um accionamento mais fácil.

Com uma qualidade de construção mais refinada e equipamento mais completo, tanto o mais utilitário CFORCE 450, como o mais desportivo CFORCE 520L que tive oportunidade de testar, mostraram uma significativa melhoria relativamente aos modelos anteriores.

Confesso que, como motociclista e automobilista, não sou grande apreciador deste tipo de veículos. Considero que, ao contrário dos SSV, os ATV juntam tudo o que os automóveis têm de mau, a tudo o que as motos não têm de bom, mas sempre reconheci que a sua praticidade em ambiente rural é indiscutível, sendo extremamente práticos, económicos e polivalentes. Verdadeiras mulas de trabalho.

No entanto, e depois desta apresentação que veio acabar com um interregno de mais de vinte anos desde a minha última experiência com este tipo de veículos, tenho que admitir que, afinal, com os avanços tecnológicos, consegui ficar com uma opinião mais positiva, sobretudo no que diz respeito a uma utilização recreativa. A capacidade de tração destes veículos impressiona, oferecendo momentos de condução muito agradáveis, isto claro está, desde que se respeitem os seus limites.


Nesta apresentação da CFMOTO, que foi dividida por vários cenários, tive a oportunidade de, logo num primeiro contacto, fazer um passeio guiado pela montanha. Inicialmente, e graças à falta de experiência, senti-me intimidado pelo trilho pedregoso que ameaçava os meus ossos doridos massacrados pelo ofício, e pelas inclinações pouco reconfortantes.

Isto para não falar na quantidade de pó levantada pelos veículos que iam na minha frente. Mas no final o saldo da experiência foi positivo graças à impressionante liberdade que este tipo de veículos proporciona a quem gosta de pó ou lama, e se embrenhar na natureza para alcançar locais inacessíveis a outro tipo de veículos. 

Comecei aos comandos do CFORCE 450 de chassis curto, que vim a descobrir ser muito mais difícil de conduzir do que o CFORCE 520L, de chassis longo.

Tal deve-se não à diferença de potência, que nem chega a ser significativa, mas sim pela maior estabilidade do chassis longo. Os demais cenários proporcionados pela organização foram bastante menos stressantes, mas igualmente esclarecedores.

Numa segunda abordagem, tive oportunidade de dar umas voltas numa pista de obstáculos, com troncos e trilhos bastante inclinados, que permitiu ver (mais do que experimentar) as substanciais diferenças de estabilidade entre o chassis curto e o chassis longo, ficando mais do que provado que, tal como noutras coisas, o tamanho importa. Mesmo!

Depois foi-me possível ver a grande diferença entre a versão anterior do CFORCE 520L e esta nova versão que, definitivamente e sem qualquer dúvida, se mostrou mais manobrável, com maior brecagem e melhor suspensão.

Para terminar ainda tive a oportunidade de avaliar a capacidade de tração e manobrabilidade deste modelo, acoplado a um pequeno reboque com um peso bruto a rondar os 500kg.

Apreciei a resposta pronta e decidida da transmissão, a suavidade do acelerador e a facilidade de engrenagem dos diferenciais. O sistema de seleção do bloqueio dos diferenciais também se mostrou prático e intuitivo.


CFMOTO CFORCE 450

O CFMOTO CFORCE 450 está disponível em duas versões, com chassis curto e longo (450L) este a permitir o transporte de dois ocupantes com conforto e segurança.Está equipado com um motor monocilíndrico de 400 cc, com refrigeração por líquido, e injeção eletrónica, a debitar 31 cavalos de potência. Possui transmissão automática, com seleção de tração às 2 ou 4 rodas, com redução de caixa e bloqueios de diferencial. 

Com uma distância solo de 25 cm garante operacionalidade em todos os terrenos. Os duplos braços em A garantem o amortecimento independente às 4 rodas, com curso de 190 mm no eixo da frente e 225 mm no eixo posterior, contribuindo para um elevado conforto a bordo, tanto nos passeios a dois como nas mais árduas tarefas agrícolas ou florestais.

Quanto ao CFORCE 520, também disponível na versão normal e longa (520L) está equipado com motor de 495 cc de 34 cv, com transmissão automática (CVT) igualmente com com seleção de tração às 2 ou 4 rodas, redução de caixa e bloqueios de diferencial, além de direção assistida eletricamente (EPS), que aumenta significativamente o prazer de condução.

Destaca-se ainda pelo elevado nível de equipamento. como a iluminação Ridevision em LED, o painel de instrumentos de 5 polegadas, jantes em liga de alumínio, sistema de encaixe rápido CF-Connect para as plataformas e malas, guincho elétrico de série com uma capacidade de tração de 1100 kg e pneus mais largos (25 polegadas).

Estes ATV da CFMOTO são sobretudo veículos de trabalho, mas que não se negam a proporcionar deliciosos momentos de lazer, seja a solo, seja com passageiro. Impressionam pela qualidade geral de construção e pela facilidade de utilização.

Representados em Portugal pela Puretech, deverão chegar a Portugal durante o segundo semestre de 2022, não havendo ainda informação sobre o seu preço.

andardemoto.pt @ 13-7-2022 03:42:59 - Texto: Rogério Carmo


Clique aqui para ver mais sobre: Test drives