MotoGP Malásia – Quartararo na “Pole” e primeira linha só com Yamaha

O “rookie” Fabio Quartararo conseguiu mais uma “pole position” e desta feita não cedeu à enorme pressão de Marc Marquez, que vai arrancar de 11º. Toda a primeira linha da grelha de partida será ocupada por motos da Yamaha.

andardemoto.pt @ 2-11-2019 11:22:57

A Yamaha não podia pedir resultados muito melhores do que aquilo que aconteceu na Qualificação para o Grande Prémio da Malásia de MotoGP. O construtor japonês vê três das duas quatro motos ocuparem os três primeiros lugares da grelha de partida para a corrida deste domingo em Sepang, e com o “rookie” Fabio Quartararo a voltar a impressionar aos comandos da sua Petronas Yamaha SRT.

Depois de Cal Cructhlow (LCR Castrol Honda) e de Danilo Petrucci (Mission Winnow Ducati) terem conseguido passar a sessão de Qualificação 1, as atençoes dos fãs focaram-se totalmente na curta e decisiva sessão Qualificação 2 de MotoGP.

Com o piso do circuito de Sepang a revelar-se algo complicado devido aos pingos de chuva, o que obrigou mesmo os comissários a mostrarem as bandeiras para avisar os pilotos de que o asfalto não estava completamente seco, a estrela desta qualificação na Malásia foi o francês Fabio Quartararo.

Marc Marquez (Repsol Honda) sabia que tinha de “marcar em cima” do piloto da Yamaha satélite pois o francês era o mais rápido em pista, e foi isso mesmo que o campeão de MotoGP fez durante todo o tempo. Cada vez que Quartararo arrancava para mais uma saída, Marquez arrancava logo atrás.


Na última tentativa, Quartararo aguardou até aos minutos finais da sessão à espera que Marquez desistisse desta estratégia, mas finalmente teve de ceder e o “rookie” arrancou para aquela que seria a sua última tentativa.

Depois de saírem do pit lane, os dois pilotos permaneceram colados, com Quartararo sempre na frente e Marquez a seguir-lhe todos os movimentos. Uma volta muito lenta de saída das boxes significou que apenas teriam uma única volta lançada para fazerem os seus tempos de qualificação mais rápidos.

Logo no início da volta Quartararo e Marquez passaram por Danilo Petrucci mesmo antes da primeira curva, com Marquez a completar a ultrapassagem mesmo no limite na tentativa de não perder Quartararo de vista.

No entanto o espanhol levou o seu esforço longe demais. Quando parecia que Marquez ia conseguir manter-se colado ao francês, o piloto da Repsol Honda sofreu um violento “highside” na curva 2 de Sepang, caiu de frente no asfalto, mas sem sofrer lesões. Como não chegou a completar a sua última tentativa, o tempo que tinha registado antes apenas permite a Marquez arrancar de 11º para o GP da Malásia. Esta é a pior qualificação de Marc Marquez desde 2015 no Grande Prémio de Itália.

Se Marc Marquez quiser bater o recorde de mais pontos somados em 18 corridas de MotoGP, que está na posse de Jorge Lorenzo – que voltou a ter uma qualificação para esquecer e arranca de 18º -, o campeão de MotoGP vai ter de se esforçar bastante para terminar pelo menos em 7º.


Livre da pressão de Marquez, Fabio Quartararo fez uma última volta assombrosa, e voltou a bater o recorde absoluto de Sepang com um tempo de 1m58.303s, batendo o anterior recorde por quase três décimas, um recorde que já era seu.

Na segunda posição atrás do jovem piloto da Petronas Yamaha SRT vai arrancar Maverick Viñales. O piloto espanhol da Monster Energy Yamaha diz que se tem sentido bem durante todo o fim-de-semana em Sepang, tal como aconteceu em Phillip Island, mas desta feita espera não sofrer uma queda nos momentos finais como aconteceu no GP anterior.

A completar a primeira fila da grelha de partida está Franco Morbidelli, que aos comandos da segunda moto da Petronas Yamaha SRT dá à equipa malaia, e logo na corrida de casa em frente aos seus fãs, mais motivos para sorrir. Esta é a quarta vez esta temporada que os dois pilotos da Petronas Yamaha SRT arrancam para uma corrida de MotoGP da primeira fila da grelha de partida.

andardemoto.pt @ 2-11-2019 11:22:57


Clique aqui para ver mais sobre: Desporto