Estará a Honda a trabalhar numa CBR600RR-R para 2021?

O regresso da marca japonesa ao segmento supersport poderá acontecer quatro anos depois do fim da comercialização da icónica CBR600RR. Ao que tudo indica a Honda está a trabalhar numa nova CBR600RR-R para 2021.

andardemoto.pt @ 27-3-2020 14:08:09

Quando em 2017 entrou em vigor na Europa a norma Euro 4, a Honda, tal como outros fabricantes, foi obrigada a deixar “cair” alguns modelos da sua gama. Foi a oportunidade ideal para a marca japonesa abandonar o segmento supersport, onde a CBR600RR era um nome incontornável, mas que devido às vendas diminutas já não fazia sentido continuar a ser comercializada.

Mas agora que estamos em pleno Euro 5 e tudo o que isso obriga os fabricantes a evoluir as suas motos, a Honda estará a pensar e a trabalhar no regresso da sua supersport, embora agora com uma denominação diferente.

A notícia foi publicada pela revista japonesa Young Machine, que habitualmente tem um contacto mais direto com os fabricantes japoneses e por isso consegue informações mais credíveis quando se trata de novidades ainda em segredo.

A CBR600RR-R, agora com denominação semelhante à irmã maior e mais potente CBR1000RR-R Fireblade, poderá ser uma importante adição à gama da Honda para 2021 e assim voltar à luta num segmento que, em tempos, foi bastante importante e que valia largos milhares de unidades vendidas anualmente.

O design da nova CBR600RR-R não irá fugir muito ao que já vimos na mais recente geração da Fireblade. Pelo menos é isso que afirma a revista Young Machine, que obviamente terá recebido informações e assim conseguiu criar uma imagem do que poderá ser a nova CBR600RR-R.


Mas não será apenas no nome e na imagem que esta supersport se irá destacar!

Tudo indica que a Honda CBR600RR-R irá dar uso a uma evolução do motor tetracilíndrico da última geração que foi comercializada até 2017. Claro que os engenheiros da Honda estão a trabalhar para dotar esta unidade motriz de mais potência e binário. E isso irá acontecer à custa da redução da fricção dos componentes internos, melhorias na admissão e sistema de escape.

Mas potência sem controlo não significa nada.

Embora o pacote aerodinâmico da CBR1000RR-R Fireblade tenha sido criado especificamente para a nova superbike, não há nada impeça a Honda de replicar essa mesma aerodinâmica na supersport, ajudando o condutor a controlar a moto a alta velocidade.

Para além disso a nova Honda CBR600RR-R dará uso a todo um pacote eletrónico derivado da Fireblade. Isso significa que disponibilizará modos de condução, controlo do efeito travão motor, “quickshift” bidirecional, controlo de tração, “anti-wheelie” e “anti-lift”, para além do já obrigatório sistema de travagem ABS com função “cornering” e afinação dos seus parâmetros para uso em pista.

Com tudo isto, a nova CBR600RR-R ficará ainda assim longe do preço praticado para a CBR1000RR-R Fireblade, mas irá situar-se dentro dos valores praticados em termos de preço para outras opções do segmento, nomeadamente a rival Yamaha YZF-R6.

Se tudo isto se confirmar, e pese embora a pandemia Covid-19 possa estar a atrasar o processo de evolução e testes programados, deveremos ter a apresentação da nova Honda CBR600RR-R ainda no final deste ano, muito provavelmente no Salão de Milão EICMA.

andardemoto.pt @ 27-3-2020 14:08:09


Clique aqui para ver mais sobre: MotoNews