MotoGP 2021 – Valentino Rossi anuncia que se retira no final da temporada

Um dos melhores pilotos de sempre do motociclismo de velocidade e do mundo das duas rodas anunciou o seu futuro numa emotiva conferência de imprensa antes do Grande Prémio da Estíria. Valentino Rossi anuncia que se retira no final da temporada.

andardemoto.pt @ 5-8-2021 15:57:59

Um dos momentos mais antecipados dos últimos tempos – diríamos até, dos últimos anos – acaba de acontecer numa emotiva conferência de imprensa que quase ofusca os preparativos para o Grande Prémio da Estíria de MotoGP.

Tudo porque Valentino Rossi, piloto de 42 anos e que atualmente compete pela Petronas Yamaha SRT, anunciou o seu futuro, tal como tinha prometido que ia fazer após a paragem da categoria rainha para a pausa de verão.

O veterano piloto italiano com mais de um quarto de século a competir no Mundial de Velocidade anunciou que se retira da competição no final da temporada.


Rossi, um dos melhores pilotos de sempre do motociclismo de velocidade, transformou-se numa verdadeira instituição dentro do mundo das duas rodas. O seu nome e o número 46 ficarão para sempre na memória dos fãs das corridas de motos, alicerçados pela conquista de nada menos do que nove títulos mundiais (1 em 125 cc, 1 em 250 cc e 7 título de 500 / MotoGP).

Ao longo de 25 anos de carreira, Valentino Rossi amealhou 115 vitórias em Grandes Prémios, mantém-se como o piloto da categoria rainha com maior número de vitórias (89), e subiu ao pódio nada menos do que 235 vezes ao longo da sua notável carreira que teve início em 1996.

“Eu disse que iria tomar uma decisão sobre o próximo ano após a pausa de verão, e decidi parar no final da temporada. Infelizmente esta será a minha última meia temporada como piloto de MotoGP. E é difícil, é um momento muito triste porque é difícil de dizer e saber que no próximo ano não irei competir com uma moto. Penso que fiz isso mais ou menos nos últimos 30 anos. No próximo ano a minha vida vai mudar. Mas foi ótimo, desfrutei imenso, foi uma viagem longa, e muito, muito divertida. Foram 25 ou 26 anos no Mundial de Velocidade, por isso foi ótimo. E tive momentos inesquecíveis com os meus rapazes, rapazes que trabalham para mim… por isso não tenho muito a dizer! Apenas isto”, afirmou Valentino Rossi na conferência de imprensa que concentrou as atenções de todos os fãs de MotoGP.



E agora que anunciou o fim da sua carreira enquanto piloto de motos, o que será que vai fazer Valentino Rossi?

Certamente ficará muito mais ligado ao projeto VR46 Academy. A escola para pilotos italianos tem dado muitos bons resultados, e com diversos pilotos da VR46 Academy a conseguirem graduar-se para a categoria rainha, Valentino Rossi e a sua equipa sabem que o trabalho está a ser bem feito e a dar frutos.

Porém, a VR46 estará ainda ligada ao MotoGP por muitos anos. Tudo porque a partir de 2022 teremos a equipa Aramco VR46 Ducati, estrutura que vai continuar a colocar em pista no MotoGP a imagem e cores de Valentino Rossi, usando motos da Ducati, e que, ao que tudo indica, irá dar oportunidade aos mais jovens talentos da velocidade de chegarem à categoria rainha e ficarem inseridos numa equipa com uma estratégia bem definida.

O patrocínio da Aramco irá dotar a VR46 de argumentos financeiros que a irão colocar a par, ou até acima, das equipas que atualmente têm os maiores orçamentos de MotoGP. Nada irá faltar à equipa de Valentino Rossi, que, no entanto, deixará a gestão da mesma para outras pessoas.


De acordo com Valentino Rossi, 2022 será o ano em que cumprirá outro dos seus sonhos: ser piloto de automóveis a tempo inteiro. É verdade que Rossi já participou diversas vezes em competições de quatro rodas, mas foi sempre uma experiência esporádica. Houve inclusivamente a hipótese de se mudar do MotoGP para a F1 com a Ferrari. Porém essa mudança para as quatro rodas nunca se confirmou.

Agora, e com tempo e possibilidades para escolher o que pretende fazer, tudo indica que veremos Rossi a optar por competir em provas de resistência automóvel, algo em que Rossi já tem alguma experiência. Os ralis são outra paixão.

Seja o que for que Valentino Rossi decida fazer, a conferência de imprensa que aconteceu hoje, 5 de agosto de 2021, no circuito de Spielberg, antes do Grande Prémio da Estíria, ficará para a história como o momento em que Rossi e o mítico #46 saem de cena das pistas de MotoGP.



Com passagens pela Aprilia, Honda, Yamaha e Ducati, Rossi é um piloto multifacetado. Do atual plantel de MotoGP é o único ainda no ativo que passou pelas categorias 125, 250 e 500 a dois tempos, e por todas as fases da atual categoria MotoGP, como as primeiras 990, depois as 800 e agora as atuais 1000 cc. O mais velho da grelha de partida foi também obrigado a alterar o seu estilo de pilotagem para enfrentar os mais novos pilotos e talentos do MotoGP.

E para recordar toda a história do “Il Dottore” Valentino Rossi, aqui fica uma mega galeria de fotos que percorre alguns dos momentos mais especiais e icónicos da carreira de Valentino Rossi.

Galeria de fotos dos momentos icónicos de Valentino Rossi

andardemoto.pt @ 5-8-2021 15:57:59


Clique aqui para ver mais sobre: MotoGP