Kiko Maria vence no Estoril e celebra o título PréMoto3 da melhor forma

Na sexta ronda da temporada do Campeonato Nacional de Velocidade, o piloto Francisco “Kiko” Maria voltou a demonstrar o porquê de ter conquistado o título de campeão na categoria PréMoto3. Em seis corridas realizadas o piloto da Moto Action Team venceu cinco, e fecha a temporada nacional da melhor forma.

andardemoto.pt @ 21-10-2019 10:56:00

O título de campeão 2019 da categoria PréMoto3 do Campeonato Nacional de Velocidade já estava decidido desde a quinta ronda, mas o jovem Francisco “Kiko” Maria voltou ao seu melhor nível para esta última visita ao Autódromo do Estoril.

Refeito da lesão muscular que o impediu de lutar por um lugar a tempo inteiro na próxima edição da Red Bull Rookies Cup, o português regressou a Portugal antecipadamente e o plano de tratamentos e recuperação parece ter resultado em pleno.

Nesta que foi a sexta ronda da temporada, o piloto da Moto Action Team voltou a subir ao lugar mais alto do pódio. Em seis corridas realizadas, Kiko Maria e a sua BeOn 250 venceram cinco corridas, o que revela bem do domínio do piloto de 15 anos natural do Porto mas que atualmente reside em Lisboa.


Para a última ronda do CNV, novamente no Autódromo do Estoril, Kiko Maria aproveitou a segunda sessão de treinos cronometrados para assegurar nova “pole position” para a corrida de 14 voltas que colocou em pista em simultâneo os pilotos das PréMoto3 e das Supersport 300.

Partindo da primeira posição, Kiko Maria manteve a liderança assim que os semáforos apagaram, e a partir daí foi acumulando uma vantagem cada vez maior, volta a volta, para o seu mais direto perseguidor, Marco Dias.

Na passagem pela linha de meta do Estoril, a diferença entre os dois cifrou-se em mais de 21 segundos, também fruto de uma última volta bastante rápida de Kiko Maria, que com um registo de 1m53.286s terminou a temporada de velocidade nacional com a volta mais rápida das PréMoto3.


Para o jovem talento luso, a vitória na última ronda do ano no Estoril deixa-o “super-feliz, não só pelo que um primeiro título nacional significa no percurso de um desportista de alto rendimento, mas, também, porque começo a traduzir em objetivos atingidos e evolução competitiva os desafios que assumi, em conjunto com os meus patrocinadores e a minha família, proporcionando alegria a quem me tem apoiado nestes três anos que levo de motociclismo”, referiu Francisco “Kiko” Maria no final de mais uma excelente prestação.

No final de uma temporada do CNV onde venceu cinco das seis corridas e na outra foi 10º, o piloto da Moto Action Team termina com um total de 135 pontos, mais 47 pontos do que o seu rival mais próximo que foi Nuno Ribeiro.

Ao mesmo tempo que assegurou o seu primeiro título de campeão, Kiko Maria ofereceu à Moto Action Team o título de equipas, enquanto a BeOn também festejou o título de construtores das PréMoto3.


Depois do fim do Campeonato Nacional de Velocidade no Estoril, Kiko Maria vai ainda viajar para Espanha, para o circuito de Jerez, onde no início de novembro compete nas PréMoto3 do Campeonato Espanhol ESBK, e onde aspira a fechar o ano na 5ª posição.

Depois terá ainda mais uma corrida, mas na European Talent Cup, onde representa as cores da Leopard Junior Team, desta feita no circuito Ricardo Tormo em Valência.

Este é um final de temporada bem positivo para o piloto português, que ainda no início do ano deu uma entrevista ao Andar de Moto onde revelou os seus planos e objetivos, que em parte estão a ser cumpridos.

andardemoto.pt @ 21-10-2019 10:56:00


Clique aqui para ver mais sobre: Desporto